17 de novembro de 2011
por Esmael Morais
8 Comentários

Em carta, mulher de Lupi pergunta indignada: “Que país é esse?”

* Esposa do ministro acusa mídia de montar um grande circo

por Angela Rocha, via Conversa Afiada

Você tem direito de ter a sua verdade. Para isso você precisa conhecer todas as versões de uma história para escolher a sua. A deles é fácil, é só continuar lendo a Veja, O Globo, assistindo ao Jornal Nacional. A nossa vai precisar circular por essa nova e democrática ferramenta que é a internet.

Meu nome é Angela, sou esposa do Ministro do Trabalho e Emprego Carlos Lupi. Sou jornalista e especialista em políticas públicas. Somos casados há 30 anos, temos 3 filhos e um neto. Resolvi voltar ao texto depois de tantos anos porque a causa é justa e o motivo é nobre. Mostrar a milhares, dezenas ou a uma pessoa que seja como se monta um escândalo no Brasil.

Vamos aos fatos: No dia 3 de novembro a revista Veja envia a assessoria de imprensa do Ministério do Trabalho algumas perguntas genéricas sobre convênio, ONGS, repasses etc. Guarda essa informação.

Na administração pública existe uma coisa chamada pendência administrativa. O que é isso? São processos que se avolumam em mesas a espera de soluções que dependem de documentos, de comprovações de despesas, prestação de contas etc. Todo órgão público, seja na esfera municipal, estadual ou federal, tem dezenas ou centenas desses.

Como é montado o circo? A revista pega duas pendências administrativas dessas, junta com as respostas da assessoria de imprensa do ministério dando a impressão de que são muito democráticos e que ouviram a outra parte, o que não é verdade, e paralelamente a isso pegam o depoimento de alguém que não tem nome ou sobrenome, mas diz que pagou propina a alguém da assessoria do ministro.

No dia seguinte toda a mídia nacional espalha e repercute a matéria em todos os noticiários, revistas e jornais. Nada fica provado. O acusador não tem que provar que pagou, mas você tem que provar que não recebeu. Curioso isso, não? O próprio texto da matéria isentava Lupi de qualquer responsabilidade. Ele sequer é citado pelo acusador. Mas a gente não lê os textos, só os títulos e a interpretação, que vêm do estereótipo político é tudo safado mesmo!.

Dizem que quando as coisas estão ruins podem piorar. E é verdade. Na terça-feira Lupi se reúne na sede do PDT, seu partido político em Brasília para uma coletiva com a imprensa. E é literalmente metralhado não por perguntas, o que seria natural, mas por acusações. Nossa imprensa julga, condena e manda para o pelotão de fuzilamento.

E aí entra em cena a mais imprevisível das criaturas: o ser humano. Enquanto alguns acuados recuam, paralisam, Lupi faz parte de uma minoria que contra ataca. Explode, desafia. à‰ indelicado com a Presidenta e com a população em geral. E solta a frase bomba, manchete do dia seguinte: Só saio a bala!. O que as pessoas interpretaram como apego ao cargo era a defesa do seu nome. Era um recado com endereço certo e cujos destinatários voltaram com força total.

Era a declaração de uma guerra que ainda não deixou mortos, mas já contabiliza muitos feridos. Em casa, passado o momento de tensão, Lupi percebe o erro, os exageros e na quinta-feira na Comissão de Justiça do Congresso Nacional presta todos os esclarecimentos, apresenta os documentos que provam que o Ministério do Trabalho já havia tomado providências em relação à s ONGs que estavam sendo denunciadas e aproveita a oportunidade para admitir que passou do tom e pede desculpas públicas a Presidenta e a população em geral.

A essa altura, a acusação de corrupto já não tinha mais sustentação. Era preciso montar outro escândalo e aí entra a gravação de uma resposta e uma fotografia. A resposta é aquela que é repetida em todos os telejornais. Onde o Lupi diz não tenho nenhum tipo de relacionamento com o Sr Adair. Fui apresentado a ele em alguns eventos públicos. Nunca andei em aeronave do Sr Adair!.

Pegam a frase e juntam a ela uma foto do Lupi descendo de uma aeronave com o seu Adair por perto. Pronto. Um novo escândalo está montado. Lupi agora não é mais corrupto, é mentiroso. Leia mais

17 de novembro de 2011
por Esmael Morais
1 Comentário

Ministério Público pede afastamento do presidente da Câmara de Curitiba

João Cláudio Derosso. Foto: Denis Ferreira Neto.

O Ministério Público do Paraná (MP) protocolou nesta quinta-feira (17) pedido de afastamento do presidente da Câmara Municipal de Curitiba, vereador João Cláudio Derosso (PSDB), acusado de cometer irregularidades em contratos de publicidade. ... 

Leia mais

17 de novembro de 2011
por admin
Comentários desativados em Polícia e manifestantes entram em confronto na Grécia

Polícia e manifestantes entram em confronto na Grécia

do G1

Manifestantes e policiais entraram em confronto nesta quinta-feira (17) na Grécia, em frente ao Parlamento grego e da embaixada dos Estados Unidos. Milhares de pessoas protestam no centro de Atenas para expressar a insatisfação com as medidas de austeridade, no dia em que é lembrada a repressão da revolta estudantil pela junta de coronéis em 1973.

Jovens jogaram pedras na polícia, que respondeu com o disparo de gás lacrimogêneo. Cerca de 7 mil policiais monitoram os manifestantes.

Cerca de 30 mil pessoas marcharam pelo centro de Atenas tocando tambores, empunhando bandeiras vermelhas e cantando ‘Fora UE e FMI!’, no primeiro teste público para o primeiro-ministro tecnocrata Lucas Papademos e seu partido de coalizão de três partidos.

Estudantes, militantes de esquerda e anarquistas tomaram a frente da passeata. Os tradicionais slogans do levante estudantil receberam um tom muito atual para denunciar “a junta dos bancos, a União Europeia e o FMI”, como proclamava uma bandeira em clara alusão à  política de austeridade imposta à  Grécia por seus credores.

Alguns manifestantes também despejaram sua ira co Leia mais

17 de novembro de 2011
por Esmael Morais
5 Comentários

Rio desbanca Curitiba como modelo de transporte coletivo

por Themys Cabral, via Gazeta do Povo

A ideia de que Curitiba é a cidade brasileira referência em transporte coletivo parece estar ficando de vez para trás. No 18.!º Congresso Brasileiro de Transporte e Trânsito, realizado em outubro, os holofotes saíram de Curitiba e se dirigiram para o Rio de Janeiro. Pela primeira vez, ao invés de ser alvo de elogios e ser citada como modelo para outras cidades, como é comum em eventos desse tipo, a capital paranaense passou a ser referenciada como sinônimo de problemas.

Curitiba está num patamar desatualizado!, afirma o diretor da Associação Nacional das Empresas de Transportes Ur!­!­banos, Marcos Bicalho dos Santos. Some-se a isso o fato de o Rio ter sido apon!­!­tada recentemente como a cidade brasileira com o melhor indicador de mobilidade sustentável, desbancando justamente… Curitiba.

O estudo divulgado recentemente pelo portal Mobilize Brasil mostra que, numa escala de 0 a 10, o Rio de Janeiro ficou em primeiro lugar, com um indicador 7,9 em mobilidade, seguido de Curitiba, com 7. A pesquisa analisou índices relacionados ao uso de transporte coletivo, acessibilidade, violência no trânsito, ciclovias e tarifa de ônibus.

Curitiba obteve nota máxima em dois dos cinco índices analisados (veja ao lado), mas perdeu feio quanto à  quantidade de deslocamentos feitos por transporte individual. Neste, que é um dos índices mais importantes quando se fala em mobilidade urbana, Cu!­!­ritiba ficou em 6.!º lugar, na frente apenas de Cuiabá e São Paulo. Enquanto no Rio apenas 13% do total de deslocamentos são feitos por meio de transporte individual, como carro e motocicleta, e Leia mais

17 de novembro de 2011
por Esmael Morais
5 Comentários

Dilma chora ao lançar plano para pessoas com deficiência; veja o vídeo

do G1 Brasília

A presidente Dilma Rousseff chorou ao discursar nesta quinta-feira (17) durante lançamento do plano Viver sem Limites, que pretende investir R$ 7,6 bilhões até 2014 na inclusão de pessoas com deficiência.

Ela se emocionou logo após cumprimentar Ivy, de 6 anos, e Beatriz, de pouco mais de 1 ano, ambas portadoras de síndrome de Down.

Elas são filhas, respectivamente, do deputado federal Romário (PSB-RJ) e do senador Lindbergh Faria (PT-RJ), e estavam no colo dos pais durante a cerimônia.

“As duas menininhas tiveram aqui uma cena maravilhosa e enternecedora. A filha do Romário carregando a filha do Lindbergh!, afirmou a presidente. Leia mais

17 de novembro de 2011
por Esmael Morais
2 Comentários

Em nota, PT informa que Dete Pavoni está legalmente filiada

A vice-prefeita Dete Pavoni está legalmente filiada no Partido dos Trabalhadores.

O PT de Almirante Tamandaré, na região metropolitana de Curitiba, distribuiu nota oficial nesta quinta (17) esclarecendo que a vice-prefeita Maria Bernadete Afornali Pavoni, a Dete Pavoni, está devidamente registrada no partido e, portanto, apta a disputar as eleições de 2012. ... 

Leia mais

17 de novembro de 2011
por Esmael Morais
10 Comentários

Justiça bloqueia bens do prefeito de Bituruna, filho de Rossoni

* Prefeito de Bituruna é acusa de improbidade adminstrativa

Rodrigo Rossoni (PSDB).

A juíza Leonor Bisolo Constatinopolos Severo, da Comarca de União da Vitória, decretou a indisponibilidade dos bens do prefeito de Bituruna, Rodrigo Rossoni (PSDB), eleito na eleição suplementar do último dia 3 de julho. ... 

Leia mais

17 de novembro de 2011
por admin
2 Comentários

Lupi diz que ex-assessor é quem deve explicar viagem em jatinho de ONG

da Agência Brasil

O ministro do Trabalho e Emprego, Carlos Lupi, disse hoje (17) que o seu deslocamento para cumprir agenda no estado do Maranhão foi organizado pelo seu ex-assessor Ezequiel Nascimento, membro do Diretório Nacional do PDT !“ mesmo partido de Lupi. Segundo o ministro, o ex-assessor foi o responsável pela viagem no jatinho de Adair Meira, responsável por organizações não governamentais que mantêm convênio com o ministério.

Fui de carona com o Ezequiel. Como ele pagou, compete à  companhia aérea e ao Ezequiel [prestar esclarecimentos]. Não pedi aeronave, não solicitei. Quero saber do que estou sendo acusado. Vivi um linchamento público durante cinco dias.!

O ministro disse ainda que quando há eventos do partido junto com uma agenda do ministério ele prefere usar a estrutura do partido no estado. Como não queria usar dinheiro público, falei [ao Ezequiel] vamos usar a estrutura que vocês conseguirem.!

Ontem (16), em entrevista à  Agência Brasil, o presidente do diretório regional do PDT do Maranhão, Igor Lago, negou que o partido tenha pago transporte aéreo para a visita do ministro do Trabalho ao estado.

Leia mais

17 de novembro de 2011
por admin
Comentários desativados em Dilma lança plano de R$ 7,6 bi nesta quinta para pessoas com deficiência

Dilma lança plano de R$ 7,6 bi nesta quinta para pessoas com deficiência

do G1

A presidente Dilma Rousseff lança nesta quinta-feira (17) o plano “Viver sem Limite”, que visa à  maior inclusão de pessoas com deficiência. Sob coordenação da Secretaria de Direitos Humanos, 15 órgãos do governo irão atuar em várias frentes com um investimento previsto de R$ 7,6 bilhões até 2014.

Desse montante, R$ 1,8 bilhão serão aplicados em educação, com transporte escolar acessível, adaptação de acesso a escolas públicas e universidade, construção de salas com recursos multifuncionais, além da oferta de até 150 mil vagas para pessoas com deficiência em cursos federais de formação profissional e tecnológica.

Já na saúde, há previsão de R$ 1,4 bilhão para ações de prevenção à s deficiências, maior acompanhamento dos exames no Teste do Pezinho, fortalecimento dos serviços de reabilitação, atendimento odontológico, maior acesso a órtese e prótese, além de reforço de ações clínicas e terapêuticas. Leia mais

17 de novembro de 2011
por admin
4 Comentários

Assembleia rejeita pedido de informações de Veneri sobre receita do Detran

Por vinte e oito votos a dez, o plenário da Assembleia Legislativa rejeitou ontem o pedido de informações apresentado pelo deputado estadual Tadeu Veneri (PT) sobre o valor e a aplicação da receita do Detran (Departamento Estadual de Trânsito) entre 2007 e 2010.

“Precisamos ter um comparativo entre o que foi arrecadado e o que poderá ser arrecadado a partir do tarifaço. O governo não apresentou um cálculo preciso sobre a arrecadação!, disse o deputado.

Segundo Veneri, há um processo de censura sobre as informações.

Criar dificuldades para aprovar um pedido de informações sobre a administração anterior é exerce, sim, um tipo de censura!, criticou Veneri.

Veja o pedido de informações feito pelo deputado

REQUERIMENTO – PEDIDO DE INFORMAà‡à•ES

Súmula: Requer envio de pedido de informações ao Excelentíssimo Senhor Diretor-Geral do Departamento de Trânsito do Paraná (DETRAN/PR) sobre o valor arrecadado pelo referido à“rgão e destinação desta arrecadação nos anos de 2007, 2008, 2009 e 2010.

Os Deputado Estadual Tadeu Veneri, no uso d Leia mais

17 de novembro de 2011
por admin
Comentários desativados em Dilma deve sancionar Comissão da Verdade sem vetos nesta sexta

Dilma deve sancionar Comissão da Verdade sem vetos nesta sexta

da Carta Maior

A lei que cria uma Comissão Nacional da Verdade para esclarecer as circunstâncias de atentados aos direitos humanos praticados no país por razões políticas será sancionada nesta sexta-feira (18) pela presidenta Dilma Rousseff. Nenhum ministério pediu, até agora, que Dilma vete algum trecho do texto, e a tendência é que seja sancionado do jeito que foi aprovado na Câmara e no Senado.

O governo prepara um grande ato no Palácio do Planalto para que Dilma assine a lei, com a qual ela tem uma relação particular, já que, na ditadura militar (1964-1985), foi vítima do tipo de violência que a Comissão investigará.

No mesmo evento, a presidenta sancionará também a Lei de Acesso à  Informação, que de alguma forma se relaciona com a Comissão da Verdade !“ nos dois casos, trata-se de trazer a público fatos e informações.

Depois de assinar a lei, o próximo passo de Dilma será indicar os sete pessoas que vão comandar a Comissão. Os escolhidos têm de ser brasileiros de reconhecida idoneidade e conduta ética, identificados com a defesa da democracia e da institucionalidade constitucional, bem como com o respeito aos direitos humanos!.

à‰ proibida a participação de dirige Leia mais

17 de novembro de 2011
por Esmael Morais
1 Comentário

Governo Richa também planeja pedagiar a PR-445

via Bondenews

O governo pode fazer uma Parceria Público-Privada (PPP) para exploração dos serviços na PR-445, principal rodovia estadual que corta a cidade de Londrina.

A rodovia tem pouco mais de 158 quilômetros de extensão, começa no entroncamento com a BR-376, em Mauá da Serra, e segue até o cruzamento com a PR-437, em Primeiro de Maio. A maior parte da via é pista simples.

A PPP seria uma alternativa para a duplicação da pista. Estudo de 2010 aponta que a construção de uma nova pista no trecho entre Londrina e Mauá da Serra custaria R$ 250 milhões, mas os valores já estão ultrapassados. O meio para a empresa privada ter retorno no investimento seria pela exploração do pedágio. Leia mais

17 de novembro de 2011
por admin
5 Comentários

Situação do ministro é insustentável!, diz o pedetista Osmar Dias

por André Gonçalves, via Gazeta do Povo

O presidente do PDT no Paraná, Osmar Dias, definiu ontem como insustentável! a permanência do colega de partido Carlos Lupi no Ministério do Trabalho. Para o ex-senador, o mínimo a ser feito por Lupi é pedir afastamento até que as denúncias contra ele sejam esclarecidas. Ele também garantiu que a direção estadual do partido continuará apoiando a presidente Dilma Rousseff, independentemente de uma saída traumática do ministro.

A situação se agravou muito com essas imagens que apareceram nos últimos dias!, disse Osmar, referindo-se à  divulgação de imagens de Lupi utilizando um avião que teria sido pago pelo diretor de uma ONG para se deslocar no Maranhão, em 2009. à‰ algo insustentável. Eu defendo que, se o Lupi quiser continuar lutando pelo cargo, que pelo menos se afaste para facilitar as investigações.!

O ex-senador admitiu que, sem o ministro, que é presidente licenciado da legenda, será difícil para Dilma encontrar interlocutores com o partido. Mas ela tem como dialogar com as nossas bancadas na Câmara e no Senado. Se for para conversar, existem outros membros do partido que estão no governo, como eu, que podem ajudar!, complementou Osmar, que é vice-presidente de agronegócio do Banco do Brasil.

Os números, no entanto, favorecem Lupi. Dos 26 deputados pedetistas, só José Antônio Reguffe (DF) e Miro Teixeira (RJ) se opõem ao ministro. Dentre os cinco senadores, apenas Cristóvam Buarque (DF).

Oposição, não

Mesmo com uma possível demissão, Osmar não acredita que a cúpula do partido aceite deix Leia mais