TV Educativa mostra discurso de Richa e Ducci, mas censura Dilma

O discurso da presidenta Dilma, ontem, em Curitiba foi censurado pela E-Paraná, o novo nome da TV Paraná Educativa, a rede de televisão do governo do Estado.

Quem levantou a bola foi a CBN Curitiba e quem não deixou ela cair foi a jornalista Roseli Abrão.

No momento em que o prefeito Luciano Ducci e o governador Beto Richa discursavam, a E-Paraná transmitia o evento ao vivo.

Mas quando foi a vez do ministro das Cidades, Mário Negromonte, e da própria presidenta da República, Dilma Rousseff, falar sobre a liberação de mais de R$ 1,7 bilhão em recursos do governo federal para a construção do metrô curitibano, a TV Educativa transmitia… desenho animado.

A sequência dos discursos foi: prefeito Luciano Ducci, ministro Mário Negromonte, governador Beto Richa e presidenta Dilma Roussef.

A medida reforça o caráter republicano do governo Beto Richa, presente apenas no discurso, mas absolutamente ausente na prática.

Enquanto isso, a presidenta Dilma convidava o governador para acompanhá-la no avião presidencial até Porto Alegre, onde hoje ela anuncia investimentos do PAC Mobilidade Urbana.

Dilma, ao contrário de Beto, prefere a prática, na hora mostrar como deve ser um governo republicano.

Comments are closed.