Rubens Bueno duela com tucano de Paranaguá; veja os vídeos

O deputado federal Rubens Bueno, presidente estadual do PPS, disse que a saída de Alceuzinho Maron para o PSDB é um DNA a velha prática política, bajulando o poder. Ele classificou a atitude o ex-filiado como desonesta. “Quem este tipo de política nunca pode ser votado”. Para Rubens, Maron não tem caráter.

Alceuzinho Maron, por sua vez, rebateu as críticas do presidente do PPS. Afirmou que desonesto é Rubens Bueno e negou que tenha utilizado o partido para indicar seu primo, Airton Maron, na superintendência do porto de Paranaguá.

O neotucano acusou Bueno de desviar recursos do fundo partidário para bancar mordomias.

Comentários encerrados.