Orlando Silva permanece no Ministério do Esporte

* PCdoB não pensa em substituir ministro

Caso de Orlando Silva reforça a necessidade de regulação da mídia no país.

Pela 5!ª vez consecutiva, a mídia demitiu o ministro Orlando Silva em onze dias. Nesta quarta-feira (26), o titular do Esporte foi novamente colocado no olho da rua pela imprensa golpista, que cravou a seguinte manchete: “Crise no Esporte derruba Orlando Silva”.

Na sexta-feira passada, os jornalões já haviam dado uma tremenda “barriga” ao demitir o ministro em nome da presidenta Dilma Rousseff. A própria os desmentiu em público ao confirmar que Orlando continuaria na pasta.

A presidenta segue resistindo à  ideia de governar a reboque do Partido da Imprensa Golpista (PIG). Até que se prove o contrário, é ela quem demite ou admite os auxiliares de sua confiança.

O PCdoB mantém a postura inicial e rejeita a ideia de substituir Orlando Silva por outro filiado.

A ansiedade da mídia é explicada pela urgência de encontrar um desfecho para a crise criada por ela. Até agora não provou nada contra o ministro.

As mentiras da imprensa mostram o quanto ela atua como partido político no país. Nem a oposição ao governo Dilma está tão empenhada para derrubar o ministro do Esporte.

Comentários encerrados.