Militantes pedem a renúncia da cúpula do PCdoB do Paraná

Carta de Gomyde e Benin agrava crise interna no PCdoB do Paraná.
A guerra intestina no PCdoB do Paraná ganhou mais um capítulo de dramaticidade nesta sexta-feira (7). Os militantes Ricardo Gomyde (ex-deputado federal) e Joel Benin (ex-dirigente do diretório estadual), membros do Ministério do Esporte, divulgaram uma carta aberta ao Comitê Central sugerindo a renúncia da atual cúpula do partido.

“Diante da gravidade da situação nos dirigimos ao Comitê Central para pedir que, em nome do bem do partido, a atual “direção” RENUNCIE a fim de que um amplo e profundo exame da situação do PCdoB no Paraná possa ser feito e, a partir daí seja elaborado um novo projeto partidário, renovando a direção e abrindo as fileiras para a adesão de novas lideranças”, diz um trecho da carta.

Gomyde e Benin argumentam no documento que a atual direção do PCdoB no Paraná “tornou-se ilha que resiste a este crescimento” em relação ao resto do país ao enumerar as recentes defecções nas fileiras da legenda, dentre as quais está o ex-presidente estadual, Milton Alves, membro do Comitê Central, e o único prefeito que tínhamos no sul do país, Taidinho (Wenceslau Braz, Norte Pioneiro).

A seguir, leia a íntegra da carta de Gomyde e Benin ao Comitê Central:

“CARTA ABERTA ao COMITàŠ CENTRAL do PCdoB

O PCdoB experimenta grande crescimento em todo o país recebendo o afluxo de diversas lideranças e animando o conjunto da militância. A amplitude nas relações políticas, a clareza na defesa do projeto nacional de desenvolvimento e o respeito ao debate interno conduzem o partido para uma revigorada fase.

Lamentavelmente a direção do PCdoB/Paraná tornou-se ilha que resiste a este crescimento. Pior, a apartação de vários camaradas da vida do partido, o surgimento de atitudes sectárias em nosso meio e, essencialmente, o esvaziamento da condução política do partido numa fase crucial de preparação do projeto político-eleitoral de 2012 fizeram com que inúmeras lideranças fossem procurar outras legendas sufocadas pelo processo maligno que tomou conta do PCdoB do Paraná.

Tristes notícias dão conta da saída do ex-presidente estadual e membro do Comitê Central Milton Alves. Saiu também o único prefeito que tínhamos no sul do país, Taidinho (Wenceslau Braz, Norte Pioneiro). Também o vice-prefeito de Francisco Alves, Roberto Pimpão (articulador do PCdoB na região Noroeste). O mesmo com Nelsinho Bonardi (candidato a deputado estadual mais votado do PCdoB em 2010 e líder da CTB), diversos vereadores, inúmeros candidatos que preparavam-se para as eleições de 2012, além de diversos militantes e dirigentes.

Diante da gravidade da situação nos dirigimos ao Comitê Central para pedir que, em nome do bem do partido, a atual “direção” RENUNCIE a fim de que um amplo e profundo exame da situação do PCdoB no Paraná possa ser feito e, a partir daí seja elaborado um novo projeto partidário, renovando a direção e abrindo as fileiras para a adesão de novas lideranças.

Ricardo Gomyde – militante do PCdoB
Joel Benin – militante do PCdoB”

Comments are closed.