Justiça anula 13 questões do Enem em todo o país

da Agência Brasil

A Justiça Federal no Ceará decidiu hoje (31) à  noite anular 13 questões do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2011 em todo o país devido ao vazamento das perguntas antes da aplicação do exame. De acordo com o juiz Luís Praxedes Vieira da Silva, a divulgação prévia de parte do conteúdo da prova fere o princípio da isonomia.

Não é o erro, mas o vazamento das questões que leva à  nulidade das mesmas, por quebrar o princípio da isonomia. Assim, entendo razoável e proporcional, nesta oportunidade e neste momento processual, declarar a nulidade apenas das questões do certame Enem 2011 que foram objeto de vazamento e prévio conhecimento!, justifica o juiz em trecho da decisão. O Ministério da Educação (MEC) considerou a decisão desproporcional e exagerada e disse que vai recorrer nos próximos dias.

O pedido para que as provas do Enem fossem canceladas foi feito pelo Ministério Público Federal no Ceará (MPF-CE), após a constatação de que alunos do Colégio Christus, de Fortaleza, tiveram acesso antecipado a cerca de 14 questões que foram cobradas no exame. Os itens estavam em apostila distribuída pela escola semanas antes da aplicação do Enem e vazaram da fase de pré-testes do exame, da qual a escola participou em outubro de 2010.

A solução defendida pelo MEC é que os 639 alunos da escola cearense tenham as provas anuladas e façam um novo teste no fim de novembro. Mas o procurador da República Oscar Costa Filho pediu à  Justiça que o Enem seja anulado !“ ou pelo menos as questões que estavam na apostila do Christus. O Inep argumentou ao juiz que o episódio ocorreu de forma localizada e que a reaplicação do exame aos alunos do colégio de Fortaleza não traz prejuízo à  isonomia do concurso.

O pré-teste é feito pelo Inep para avaliar se as questões em análise são válidas e qual é o grau de dificuldade de cada uma. Os cadernos de questões do pré-teste deveriam ter sido devolvidos após a aplicação e incinerados pelo Inep. A Polícia Federal investiga se houve fraude na aplicação do pré-teste. O MEC confirma que 14 questões que estavam na apostila foram copiadas de dois dos 32 cadernos de pré-teste do Enem aplicado no ano passado a 91 alunos da escola.

As provas do Enem de 2011 foram aplicadas nos dias 22 e 23 deste mês

5 Comentários

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. Blog bem informativo e sem enrolação…..Parabens!!!!!!!!

  2. o ministerio publico quer derrubar o governo federal. esses procuradores estão loucos .o povo esta de olho nesses charlatões da justiça…

  3. Isso é uma vergonha. A PRESIDENTA DILMA PRECISA INTERVIR.

    O que é que vai acontecer com esses CANALHAS, FRAUDADORES?
    E o tal colégio “CRISTHUS”. ISSO MERECE NOME DE COLÉGIO?
    PREJUDICARAM MEU FILHO QUE ACERTOU TODAS ESSAS QUESTÕES E AGORA TEM ELAS ANULADAS. E FEZ A PROVA AQUI EM CURITIBA

    QUE FORMAÇÃO ESSE COLÉGIO ESTÁ DANDO A ESSES FILINHOS DE PAPAI QUE TEM DINHEIRO PARA PAGAR SUAS MENSALIDADES?
    TODOS OS ALUNOS DO PAÍS E SEQUER CITA OS FRAUDADORES DA PROVA. O QUE
    E ESSE PROCURADOR AÍ DO CEARÁ, PARA APARECER E TALVEZ POR OUTRAS RAZÕES PROCURA DESACREDITAR O ENEM E PEDE ANULAÇÃO DO CONCURSO, PREJUDICANDO ESTÁ POR TRAZ DISSO? SERÁ QUE ELE VAI RESPONDER?

    E O MEC EM UMA ATITUDE COVARDE ACEITA ANULAR AS QUESTÕES, PREJUDICANDO OS ALUNOS QUE ESTUDARAM E ACERTARAM ESSES TESTES, SEM DEMONSTRAR ATÉ AGORA NENHUMA POSTURA DURA EM RELAÇÃO Á ESSE COLÉGIO, ASSIM COMO DA OUTRA VEZ QUE FRAUDARM O ENEM, NENHUM DAQUELES FRAUDADORES SE ENCONTRA PRESO.

    E DESSA VEZ AINDA TEMOS QUE ASSISTIR ALUNOS DESSE TAL COLÉGIO FAZENDO MANIFESTAÇÃO PÚBLICA COM CARTAZES DIZENDO QUE O ENEM É CIRCO.
    E O MEC? -NENHUMA PALAVRA ATACANDO E DENUNCIANDO OS FRAUDADORES E AQUELES QUE TENTAM TIRAR PROVEITO DISSO, DSACREDITANDO O ENEM, O PRÓPRIO MEC E O GOVERNO COMO UM TODO.

    CANCELARAM AS QUESTÕES. FÁCIL
    E OS FRAUDADRES MAIS UMA VEZ NÃO VÃO PAGAR PELO CRIME QUE COMETERAM. VAI FICAR POR ISSO MESMO.
    E OS PUNIDOS SERÃO OS ALUNOS QUE DE MANEIRA LÍCITA ACERTARAM AS QUESTÕES E AGORA TERÃO COM ESSE CANCELAMENTO SUAS MÉDIAS ALTERADAS

    ISSO SIM UMA VERG0NHA. ISSO SIM É CIRCO.

  4. Governo incompetente e fraco. Tão fraco que até uma revista sem credibilidade consegue derrubar um ministro. E o pior, com um depoimento SEM PROVAS de um policial militar. A polícia está cheia de bandidos.

  5. ÉPRACABÁ
    Este ministro trapalhao, que permite estas “kizumbas” no ENEN ano pós ano, não tem assessoria?
    Evidente que pro governo, pra ele e principalmente pro ENEM (pois este precisa ser preservado), depois da trapalhada do vazamento de questões da prova, é muito melhor aceitar a decisão (diga-se de passagem, corretíssima…) da justiça em anular as questões de vaszamento, do que ficar recorrendo e alimentando a polêmica. Exceto se o Ministro (ou alguem do ministério) tem o “r…. preso” com o colégio, cujos alunos foram beneficiados.