Serra reclama de “censura” no PSDB

Serra queixa-se à  direção do PSDB sobre omissão em propaganda

via Folha.com

Ex-governador José Serra está sendo escanteado pela direção do PSDB.

Enquanto Aloysio Nunes, excluído das inserções de TV do PSDB paulista, protestou no Twitter, José Serra, outro omitido, queixou-se à  direção estadual do partido, informa o Painel, editado por Renata Lo Prete e publicado na Folha deste sábado (a íntegra está disponível para assinantes do jornal e do UOL, empresa controlada pelo Grupo Folha, que edita a Folha).

Para atendê-los, o partido propôs gravar material a ser veiculado nos próximos meses.

Correligionários de Geraldo Alckmin lembravam ontem: quando ele estava sem mandato (e Serra no governo), também foi submetido a um longo jejum de propaganda partidária.

No Twitter, Nunes disse que não foi consultado sobre as peças publicitárias que estão sendo exibidas. “Resolvi passar recibo publicamente porque sequer fui consultado a esse respeito. Há quase uma década sem representação no Senado, o PSDB paulista me ignorou na propaganda política que está no ar”, disse o tucano no microblog.

E completou: “A propaganda do PSDB ignora também o líder político com a trajetória e o prestígio popular de @joseserra_ [referência ao perfil do ex-governador]. Vamos bem assim”.

Comentários encerrados.