Governo dá reajuste de 128% a comissionados e apenas de 2,83% aos professores

Em agosto, professores saíram ruas para cobrar promessas de campanha.

O governador Beto Richa concedeu reajustes nas gratificações dos funcionários comissionados que representam aumentos entre 63% e 128%. Os índices atualizados são do jornal Gazeta do Povo, mas o leitor deste blog soube dessa história em primeira mão na última sexta-feira (14).

Esse aumento concedido no sapatinho! aos comissionados representará, aproximadamente, R$ 7 milhões a mais na folha de pagamento do Estado para este mês.

Por outro lado, o governo do estado não tem dado o mesmo tratamento para todo o funcionalismo público estadual. Aos professores, por exemplo, Beto Richa, deu apenas um reajuste salarial de 5,91% para os ativos e aposentados.

Entretanto, é bom lembrar que os míseros 5,91% de reajuste dado aos professores estão sendo pagos em parcelas. A última foi de 2,83%.

Durante a campanha eleitoral, o tucano havia prometido um reajuste de 27% para a categoria “já no primeiro dia de governo”. Já se passaram 9 meses e meio, e nada.

Nesta questão da gratificação de Richa, chamou atenção a ausência de debate na Assembleia. Também é curioso o modus operandi do governador, pois foi o mesmo utilizado pelo presidente do legislativo estadual, Valdir Rossoni (PSDB): escondidinho!.

Comentários encerrados.