Bancários em greve fazem manifestação no centro de Curitiba

da Agência Brasil

O Sindicato dos Bancários de Curitiba e região está convocando a categoria a participar nesta manhã, na capital paranaense, de mais uma manifestação. Um grupo de repentistas acompanhará os bancários em ato público em frente à s agências da área central da cidade.

No nono dia da greve nacional dos bancários, levantamento do sindicato mostra que o número de agências fechadas em Curitiba aumentou. Na manhã de ontem(4), 265 agências estavam fechadas, além de oito centros administrativos. Hoje, esse número subiu para 286. O sindicato informa a adesão, em Curitiba, de 10,3 mil trabalhadores.

Segundo a entidade, a greve tem se espalhado para bairros mais afastados da região central. Ontem, 80 agências estavam fechadas nas cidades do entorno de Curitiba. As agências do Bradesco e do HSBC continuam abertas por força dos interditos proibitórios concedidos pela Justiça.

De acordo com dados da Federação dos Trabalhadores em Empresas de Crédito (Fetec) do Estado do Paraná, em seus dez sindicatos afiliados, 659 agências, de diversos municípios, aderiram à  paralisação, envolvendo cerca de 15 mil bancários (63%).

Comentários encerrados.