14 de outubro de 2011
por Esmael Morais
13 Comentários

Rossoni devolveu a bufunfa recebida ilegalmente

Clique para ampliar.

O presidente da Assembleia Legislativa do Paraná, Valdir Rossoni (PSDB), divulgou nesta sexta-feira cópia do extrato bancário para provar que devolveu R$ 160,3 mil aos cofres públicos referentes ao recebimento, ilegal, de R$ 20 mil de gratificação pelo período de oito meses. ... 

Leia mais

14 de outubro de 2011
por Esmael Morais
7 Comentários

Enfim, Derosso envia cópias de documentos a Rubens Bueno!

Após muita insistência, o deputado federal Rubens Bueno (PPS) recebeu nesta sexta-feira (14 de outubro) as cópias de notas fiscais, de repasses e comprovantes das ações de publicidade da Câmara Municipal de Curitiba, referentes aos anos de 2006, 2007, 2008 e 2009. Ao todo, os documentos somam 8.232 cópias.

O parlamentar tomou conhecimento das informações após o presidente da Câmara Municipal de Curitiba, João Cláudio Derosso (PSDB), ter acumulado R$ 12.500 em multa, por não prestar os esclarecimentos solicitados por Bueno. O deputado pediu na justiça a documentação para fazer uma análise.

Em posse dos documentos, Rubens declara que sua equipe jurídica vai passar os próximos dias analisando as cópias. Segundo ele, existe uma grande quantidade de documentos que comprovam o funcionamento de uma verdadeira indústria da matéria paga!.

Finalmente recebemos mais de oito mil cópias de notas fiscais e comprovantes. Em uma análise inicial, percebemos que a Câmara de Curitiba não só pagava reportagens em jornais de Curitiba, como também da região metropolitana. O parlamento municipal mantinha uma verdadeira indústria da matéria paga. A câmara usava dinheiro público para promoção pessoal!, disse Rubens.

Leia mais

14 de outubro de 2011
por Esmael Morais
12 Comentários

PT de Curitiba pede investigação de censura tucana a Dilma

Partido solicita que Ministério das Comunicações averigue o caso da TV Educativa do Paraná e tome providências

Em ofício dirigido ao ministro das Comunicações, Paulo Bernardo, e ao secretário de serviços de comunicação eletrônica, Genildo Lins, a presidente do Diretório Municipal do PT de Curitiba, Roseli Isidoro, pede que sejam averiguadas as denúncias de censura na TV Educativa do Paraná e boicote ao pronunciamento da Presidenta Dilma Rousseff (PT) na transmissão da solenidade de anúncio dos recursos do governo federal para a obra do metrô, dentro do PAC da Mobilidade. Também, em caso de confirmação por parte do governo federal, que sejam tomadas providências cabíveis.

Confira teor da comunicação oficial: Leia mais

14 de outubro de 2011
por Esmael Morais
3 Comentários

De ônibus, Fruet visita o bairro Pinheirinho

Gustavo Fruet utiliza ônibus para visitar os bairros de Curitiba.

O ex-deputado federal Gustavo Fruet (PDT), pré-candidato a prefeito, esteve nesta sexta-feira (14) visitando o bairro Pinheirinho, que é um dos mais populosos de Curitiba. Ele foi de ônibus do centro da cidade e aproveitou para colher informações com os usuários do transporte coletivo.  ... 

Leia mais

14 de outubro de 2011
por Esmael Morais
1 Comentário

Ministério das Comunicações pode investigar censura a Dilma

Roseli Isidoro repudia censura.

A presidenta do PT de Curitiba, Roseli Isidoro, afirmou nesta sexta-feira (14), em entrevista na rádio CBN, que deverá pedir ao Ministério das Comunicações uma investigação sobre a censura à  presidenta Dilma Rousseff, que ontem teve o discurso trocado pelo desenho animado “Cocoricó” na TV Paraná Educativa (E-Paraná). ... 

Leia mais

14 de outubro de 2011
por Esmael Morais
2 Comentários

Lula diz que FMI enfrenta crise mundial com ‘silêncio profundo’

do G1

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva criticou nesta sexta-feira (14), nos Estados Unidos, a atuação do Fundo Monetário Internacional (FMI), do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) e dos países desenvolvidos na solução da atual crise financeira internacional.

O FMI tinha solução para tudo quando a crise era na Bolívia, no Brasil, no México. Quando a crise chega aos países ricos o FMI se cala, entrou num silêncio profundo. O BID, então, não fala mais nada!, criticou Lula.

Lula disse que as nações desenvolvidas precisam seguir o exemplo do Brasil no combate à  crise mundial e de que não tem nada mais fácil e barato no mundo do que cuidar dos pobres, o que é duro é cuidar dos ricos!.

Para ele a distribuição de renda permite que os pobres possam consumir e, com isso, faz com que a economia possa girar, gerando emprego e renda para os mais ricos.

Uma família pobre com US$ 100 resolve seu problema por um mês. Para o rico, você empresta US$ 1 bilhão e [eles] ainda saem do seu gabinete falando mal do governo. […] Tudo relacionado ao pobre é gasto, aumento do salário mí Leia mais

14 de outubro de 2011
por Esmael Morais
23 Comentários

Nem a presidenta Dilma Rousseff escapa da censura de Beto Richa; veja a nota de repúdio do PT

O Partido dos Trabalhadores de Curitiba divulgou nota de repúdio nesta sexta-feira (14) contra o governo tucano Beto Richa que ontem censurou o discurso do ministro das Cidades, Mário Negromonte, e da presidenta Dilma Rousseff, durante anúncio de R$ 1,75 bilhão para a construção do metrô na capital paranaense. O evento era transmitido ao vivo pela TV Educativa.

Os discursos do prefeito Luciano Ducci (PSB) e de Richa foram transmitidos sem cortes, mas quando chegou a vez de Dilma e Negromonte discursarem a emissora veio a censura. A TV do governo tucano optou mostrar um desenho animado.

O que Beto Richa quis esconder, a origem dos recursos e as infindáveis obras do governo federal no Paraná? Não se sabe ainda ao certo.

… nos indigna o comportamento imaturo e antidemocrático que motivou a censura na transmissão da TV Educativa do Paraná”, diz um trecho da nota de repúdio, assinada pela presidenta do PT curitibano Roseli Isidoro.

Os petistas dizem que Beto Richa “é um ingrato”, pois, após a cerimônia no Parque Barigui, um dos cartões postais da capital paranaense, o tucano pediu e ganhou da presidenta uma carona no AeroDilma até Porto Alegre.

Não é a primeira vez que o governo tucano utiliza-se da censura. Recentemente, este blog mostrou que a censura do PSDB não perdoou nem mesmo os ex-governadores, que foram excluídos das pesquisas nos bancos de dados da Agência Estadual de Notícias.

Na campanha de 2010, Beto Richa censurou pesquisas, jornais, revistas, sites, Twitter e este blog — alegando “abalo emocional“.

A seguir, leia a íntegra da nota de repúdio do PT à  censura tucana contra a presidenta Dilma Rousseff:

“NOTA DE REPÚDIO DO PT DE CURITIBA

O PT de Curitiba repudia veementemente a forma discriminatória como a TV Educativa do Paraná transmitiu ontem a solenidade em que a Presidenta da República, Dilma Rousseff, anunciou a destinação de R$ 1 bilhão do governo federal a fundo perdido e mais R$ 750 milhões em empréstimos à  prefeitura de Curitiba para a construção do metrô. De acordo com as notas A Leia mais

14 de outubro de 2011
por Esmael Morais
9 Comentários

TV Educativa mostra discurso de Richa e Ducci, mas censura Dilma

O discurso da presidenta Dilma, ontem, em Curitiba foi censurado pela E-Paraná, o novo nome da TV Paraná Educativa, a rede de televisão do governo do Estado.

Quem levantou a bola foi a CBN Curitiba e quem não deixou ela cair foi a jornalista Roseli Abrão.

No momento em que o prefeito Luciano Ducci e o governador Beto Richa discursavam, a E-Paraná transmitia o evento ao vivo.

Mas quando foi a vez do ministro das Cidades, Mário Negromonte, e da própria presidenta da República, Dilma Rousseff, falar sobre a liberação de mais de R$ 1,7 bilhão em recursos do governo federal para a construção do metrô curitibano, a TV Educativa transmitia… desenho animado. Leia mais

14 de outubro de 2011
por Esmael Morais
6 Comentários

Ex-prefeito de Morretes troca o PMDB pelo PSDB

O ex-prefeito Helder Teofilo dos Santos assumiu o PSDB em Morretes.

Na contagem parcial das garrafas, o PMDB é um dos partidos que mais perdeu militantes e dirigentes no troca-troca partidário. No Paraná, a maioria preferiu migrar para o PSDB do governador Beto Richa (PSDB), como é o caso do ex-prefeito de Morretes, Helder Teofilo dos Santos. ... 

Leia mais

14 de outubro de 2011
por Esmael Morais
1 Comentário

Urbs deve devolver valor de multa, diz Justiça

por Osny Tavares, via Gazeta do Povo

Uma empresária curitibana conseguiu na Justiça que a Urbs devolva a ela o valor pago em multas de trânsito nos últimos cinco anos. A decisão foi emitida ontem pelo juiz Humberto Gonçalves Brito, do Juizado Especial da Fazenda Pública de Curitiba. Na sentença, o juiz acolheu o argumento de que a Urbs, por ser uma sociedade de economia mista, não tem poder de polícia, o que a impede de emitir multas de trânsito e impor sanções a motoristas infratores. Adriana Maria Zanicoski Kochen, que entrou com a ação, terá direito a receber R$ 521,80, acrescidos de juros. Esse valor representa a soma de quatro infrações cometidas pela empresária. Cabe recurso.

A ação foi iniciada há dois meses, antes mesmo de o Tribunal de Justiça decidir que a Urbs não tem poder legal para aplicar multas. O acórdão foi publicado no dia 28 do mês passado, após análise de uma Ação Direta de Inconstitu!­cionalidade (Adin) proposta pelo Ministério Público em 1996. Essa é a contestação inegável de que a atuação da Urbs é ilegal!, diz o advogado Marco Antonio Fagundes Cunha, responsável pelo caso. Mas o que nos motivou a acionar a Justiça foi o episódio da Consilux [empresa contratada para operar os radares em Curitiba e que teve o contrato suspenso após denúncias de irregularidades]. O caso pôs em xeque a credibilidade do sistema!, avalia ele. Leia mais

14 de outubro de 2011
por Esmael Morais
2 Comentários

Déjà  vu: Funcionários denunciam ‘pressão’ para aplicar multas de trânsito em Londrina

por Vinícius Zanin, via Folha de Londrina

Funcionários e ex-funcionários da Companhia Municipal de Trânsito e Urbanização (CMTU) denunciaram ontem na Câmara uma suposta ”indústria da multa” em Londrina. Os funcionários disseram sofrer pressão da empresa para multar em troca de ”benefícios”. A tribuna do plenário foi utilizada para apresentação de uma lista de supostas irregularidades na CMTU. Um vídeo foi apresentado com uma gravação do presidente da CMTU, André Nadai, na qual ele incentivaria os agentes de trânsito a ”aumentar a receita” do órgão para que pudessem adquirir ”melhorias”, como, por exemplo, plano de saúde.

Um dos agentes de trânsito que ainda trabalha na companhia, Edson Duarte afirmou que os funcionários são coagidos. ”Eu estive com os outros funcionários que foram demitidos e agora a gente fica se perguntando, quem será o próximo? à‰ uma represália clara e evidente. Vamos provar por testemunhas. Pessoas que não vieram aqui hoje (ontem), por medo. Os agentes tem medo de falar”, declarou.

A confusão toda começou quando cinco agentes municipais de fiscalização da CMTU foram demitidos sem justa causa, e sem abertura de processo administrativo. A CMTU não revelou os motivos para os desligamentos. No entanto, os funcionários passaram a afirmar que sofrem represália por terem testemunhado em uma ação ajuizada pelo Ministério Público do Trabalho (MPT) para investigar supostas irregularidades no quadro de promoções de funcionários dentro da empresa. Leia mais