Pedido de impeachment de Gilmar Mendes volta à  pauta do STF

da Folha.com

Ministro Gilmar Mendes.

O plenário do STF (Supremo Tribunal Federal) deve voltar a discutir nesta quinta-feira (8) um pedido do advogado Alberto de Oliveira Piovesan a respeito do impeachment do ministro Gilmar Mendes.

Ele recorreu à  Corte contra a decisão do Senado, que arquivou o pedido de impedimento do ministro do Supremo em junho.

Conforme revelou o jornal “O Estado de S. Paulo”, Piovesan pede o impeachment de Mendes porque ele teria recebido benesses de advogados, colocando em dúvida sua “isenção”. Mendes foi presidente do Supremo entre 2008 e 2010.

O mandado de segurança impetrado pelo advogado teve seguimento negado pelo relator do pedido no STF, ministro Ricardo Lewandowski, mas um agravo regimental questionando a decisão levou o recurso ao plenário.

Na seção do último dia 17, o ministro Marco Aurélio Mello pediu vista do processo e prorrogou um desfecho para o caso.

O pedido está na pauta desta quinta-feira e a discussão deve voltar com o voto de Marco Aurélio.

1 Comentário

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. È claro que o corporativismo falará mais alto.