Por Esmael Morais

Nem os ex-governadores escapam da censura tucana no PR

Publicado em 28/09/2011

Na propaganda tucana, ex-governadores adversários nunca existiram.

O site Agência Estadual de Notícias, órgão oficial do governo do Paraná, está omitindo nos mecanismos de busca os nomes dos ex-governadores que antecederam o atual — Beto Richa (PSDB).

Ao procurar pelos nomes dos ex-governadores “Mário Pereira”, “Jaime Lerner”, “Roberto Requião” e “Orlando Pessuti” nenhum conteúdo vem à  tona — embora a produção dos profissionais de imprensa nesses períodos tenha sido intensa.

Em comum, os quatro ex-governadores são adversários políticos do atual governador. No início deste ano, inclusive, Richa anulou as aposentadorias de todos eles e manteve as dos aliados e da própria mãe.

Agora, quando se digita “Beto Richa” aí a figura muda. Aparecem vários assuntos citando o governador tucano.

Para um internauta desavisado ou estudante em pesquisa, a impressão é que o Estado começou a existir a partir de janeiro de 2011. Antes nada existia por estas plagas, segundo a concepção tucana.

Ao que parece, trata-se de mais uma censura do governador do PSDB.