Dentistas em greve fazem novo protesto em Curitiba

* Grevistas desmentem que ganham R$ 15 mil

Dentistas prometem fazer barulho. Foto: Marco André Lima/Gazeta do Povo

Os cirurgiões dentistas de Curitiba entram nesta sexta-feira (23) no segundo dia de greve. Eles deverão fazer uma marcha nesta manhã do centro até a prefeitura, no Centro Cívico.

Os grevistas querem a equiparação salarial com os médicos que, segundo eles, tiveram aumento de 100%.

Os dentistas ficaram indignados ontem com a informação, repassada pela prefeitura, de que ganhariam até R$ 15 mil. Pelas redes sociais, na internet, os “médicos da boca” desceram o sarrafo no prefeito Luciano Ducci (PSB), que é médico.

O Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Curitiba (Sismuc) desmentiu que os dentistas ganham o salário divulgado pela prefeitura. Segundo a entidade, um cirurgião dentista da prefeitura em início de carreira recebe R$ 1.362,56. Com as remunerações variáveis, o valor total chega a R$ 1.653,17.

O valor está abaixo de várias cidades menores que Curitiba como São José dos Pinhais, Araucária, Campo largo e Maringá. Esta é a situação de cerca de 150 profissionais. Um dentista com 10 anos de serviço público municipal, recebe em torno de R$ 2,3 mil para trabalhar as 20 horas semanais, incluindo as remunerações variáveis.

Comentários encerrados.