Por Esmael Morais

Conselho de à‰tica “tucano” deverá livrar Derosso

Publicado em 01/09/2011

Um forte cheiro de pizza começa sair do Conselho de à‰tica da Câmara Municipal de Curitiba, que na tarde desta quinta-feira (1) divulga relatório final das “investigações” que fez das irregularidades cometidas pelo presidente João Cláudio Derosso (PSDB). O colegiado que julga o tucano é comandado pelos tucanos Francisco Garcez (presidente) e Jorge Yamawaki (relator).

Derosso não aceitou a fórmula da renúncia apresentada por tucanos de alta plumagem. Acredita que os cordeirinhos da Câmara !“ a maioria dos vereadores — o absolverão em todas as instâncias da Casa, inclusive na CPI que se instalará para investigar malfeitos em contratos de publicidade.

Segundo expectativas do meio político, o vereador tucano deverá atribuir todas as estripulias na Câmara à  própria esposa, Cláudia Queiroz Guedes, dona da empresa Oficina da Notícia.