Promessas não cumpridas pelo governador levam educadores à s ruas nesta terça

Os professores da rede pública estadual se concentram hoje, a partir das 9 horas, na Praça Santos Andrade, de onde sairão em marcha até o Centro Cívico. Eles reivindicam equiparação salarial com outras categorias de nível superior com reajuste de 26%, prometido pelo governador Beto Richa (PSDB) na campanha de 2010.

Os educadores também protestam contra o fechamento de turmas e superlotação nas salas de aula. Também cobram adequação do plano de cargos e salário; melhoria no atendimento na saúde dos professores; pagamento da progressão atrasada; defesa da carga horária de 40 horas; contratação de profissionais já aprovados em concursos; e cumprimento do piso nacional pelo governo do Paraná.

O governo paranaense enviou ontem à  Assembleia Legislativa do Paraná a mensagem que reajusta os salários dos professores da rede pública estadual em apenas 5,83%. A promessa era que o reajuste de 26% viria no primeiro dia da gestão tucana, em janeiro de 2011.

Comentários encerrados.