Professora Josete ‘arromba’ a porteira da Comissão de à‰tica

O mandado de segurança conseguido há pouco pela vereadora Professora Josete (PT), que garante a ela o direito de participar da reunião da Comissão de à‰tica da Câmara, gerou uma inusitada decisão do presidente do colegiado, Francisco Garcez (PSDB): todos os suplentes poderão participar do depoimento do presidente João Cláudio Derosso (PSDB).

Josete é suplente da Comissão e estava proibida de inquirir o tucano acusado de cometer irregularidades em contratos de publicidade e praticar nepotismo na gestão dele.

O depoimento do presidente da Casa está previsto para começar à s 17h30.

Se forçar mais um pouco a porteira todos os vereadores participam da reunião.

Comentários encerrados.