Oliveira da Ambulância é preso pelo Gaeco por ficar com salário de assessores

Oliveira da Ambulância no xilindró.

O vereador de Colombo, Oliveira da Ambulância, do PTB, foi preso em flagrante na tarde de hoje (25) pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado da polícia civil (GAECO) por ficar com os salários dos assessores.

O vereador foi preso dentro do gabinete dele, na Câmara Municipal, quando pegava o dinheiro.

Segundo a polícia, Oliveira ficava com a totalidade dos R$ 3.900 que os três funcionários dele recebiam para assessorá-lo e repassava apenas R$ 1.200 para cada um.

Essa é a segunda vez que Oliveira da Ambulância é preso por ficar com o dinheiro de assessores.
No caso de cassação do mandato, quem deverá assumir no lugar de Oliveira na Câmara é Luiz Mecânico, primeiro suplente da coligação.

Comentários encerrados.