Novo protesto contra Derosso na semana que vem

Guardas municipais agridem manifestantes na Câmara. Foto: Antônio More/ GP.

Na próxima terça-feira, dia 9, a partir das 13 horas, partidos políticos e movimentos sociais voltam à  Câmara Municipal de Curitiba para protestar contra o presidente João Cláudio Derosso (PSDB).

Dirigentes de seis partidos políticos (PT, PDT, PMDB, PSC, PV e PCdoB), da CUT, Femotiba e UPE estiveram reunidos na manhã de hoje para definir a estratégia de mobilização.

Os manifestantes vão exigir na semana que vem o imediato afastamento de Derosso da presidência da Casa e a investigação rigorosa das denúncias de irregularidades nos contratos de publicidade.

Segundo o presidente da Femotiba, Edson Feltrin, o movimento também vai cobrar a votação do impeachment do presidente da Câmara.

“Derosso não tem condições políticas e morais para permanecer no cargo. Se ele ficar, vai atrapalhar as investigações”, disse Feltrin.

Comentários encerrados.