Fruet não descarta o PV, mas reivindica apoios

Fruet com o coração dividido.

O ex-deputado federal Gustavo Fruet (sem partido) está realizando nesta semana as últimas conversas antes de definir em qual partido se filiará visando a disputa da prefeitura de Curitiba em 2012.

Fruet vai se encontrar amanhã com o presidente do PT, deputado Enio Verri, para discutir estratégias comuns do campo político adversário ao prefeito Luciano Ducci (PSB), candidato à  reeleição, e ao governador Beto Richa (PSDB).

Gustavo Fruet falou ao blog que está com o coração dividido entre o PDT de Wilson Picler e o PV de Rosane Ferreira.

Também tenho que me preocupar com o tempo de TV!, disse o pré-candidato, ao defender que os partidos discutam estratégias comuns para evitar a disputa de legendas num mesmo campo político.

A preocupação de Fruet, na verdade, vai muito mais além do tempo de televisão. O PV ou o PDT, sozinhos, não lhe darão os minutos necessários para vender as propostas aos eleitores curitibanos. Precisará de uma robusta composição para fazer frente a armata de Ducci e Richa.

Gustavo Fruet quer que os dirigentes partidários do campo de Dilma Rousseff estabeleçam uma linha de comunicação articulada que desconstrua a imagem do principal oponente !“ o prefeito Luciano Ducci.

Comentários encerrados.