Por Esmael Morais

Alunos tomam rádio da UEM por melhorias

Publicado em 30/08/2011

Além de criticar o corte de verbas para educação, os estudantes protestam contra a falta de estrutura do Restaurante Universitário (RU) e a inexistência de unidades do RU nos outros câmpus da instituição.

O reitor da UEM, Júlio Santiago Prates Filho, atendeu os alunos na semana anterior e reforçou que os pedidos dos estudantes serão atendidos. O reitor pediu a desocupação da reitoria, que foi negada pelos estudantes. Após 20 horas da ocupação, estudantes permanecem na reitoria da UEM.

Quatro representantes do DCE vão hoje a Curitiba, onde se reúnem à s 11 horas com o secretário de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior do Paraná, Alípio Leal.

O DCE informou que a reitoria e a rádio só serão desocupadas se o governo estipular prazos para atender aos pedidos.

A assessoria de imprensa da UEM informou que a rádio havia sido desligada pela instituição depois que os alunos ocuparam a Reitoria. O reitor tenta também negociar com os estudantes a desocupação da rádio.