Em Londrina, Vargas diz que vai de Márcia Lopes

por Pauline Almeida, via ODiário.com

André Vargas.

O deputado federal André Vargas (PT) afirmou, na manhã desta sexta-feira (29), que abrirá mão de sua pré-candidatura para concorrer à  Prefeitura de Londrina, caso a ex-ministra do Desenvolvimento Social e Combate à  Fome, Márcia Lopes, aceite ser o nome do Partido dos Trabalhadores (PT).

Vargas acredita que, diante da conjuntura política atual, seria mais interessante que ele se dedicasse à  articulação em nível estadual e nacional do partido, principalmente no trabalho pelas candidatutas petistas durante as eleições municipais de 2012.

Seria importante que o partido se unisse em torno de uma chapa única na convenção que definirá o candidato petista ao cargo de chefe do executivo municipal, acredita o deputado.

Eu acho que o PT tem que ter candidato, até porque é o único partido de oposição real ao PDT, com uma postura crítica ao que vem sendo feito. Os três vereadores têm agido de forma unida e articulada e eu mesmo tenho me posicionado!, declarou.

Por fim, o deputado disse que estará à  disposição do que o partido decidir, mas sua compreensão do quando político é de que Márcia Lopes é a candidata apropriada para o momento.

Apesar de já ter garantido o apoio de André Vargas, a ex-ministra do Desenvolvimento Social e Combate à  Fome, Márcia Lopes, ainda não decidiu se colocará seu nome como pré-candidata à  prefeitura.

Eu não avancei na discussão partidária, inicialmente não era meu projeto para agora. Fui convidada para trabalhar com projetos sociais na Améria Latina, estou me aposentando na UEL. Não era meu projeto pessoal, nesse momento não coloco nenhuma candidatura!, disse.

Márcia foi convidada pelo ex-ministro José Graziano da Silva para trabalhar com projetos de políticas públicas na América Latina junto a FAO (Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação). A partir de agosto, quando acaba seu vínculo com a Universidade Estadual de Londrina, ela deve assumir o cargo na FAO.

A ex-ministra não descarta a pré-candidatura, caso seja a decisão acertada pelo partido. O PT deve definir o nome que vai disputar pela legenda até setembro.

1 Comentário

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. O DEPUTADO ANDRÉ VARGAS DEVE ENTENDER QUE OS PEDETISTAS AJUDARAM NA ELEIÇÃO PARA PRESIDENTE A DILMA PORQUE ELA FAZ PARTE DA NOSSA HISTORIA.
    JÁ O P.T. QUE ÊLE ACHA QUE É DELE, TAMBÉM VAI FICAR IMPOSSIVEL DE AJUDAR SE POR ACASO TENTAREM FAZER ACORDO.
    NÃO É ASSIM QUE SE FAZ POLITICA, O P.D.T. E O P.T. APESAR DE NÃO CAMINHAR JUNTO, MAS ESTÃO NO MESMO TRILHO.
    O PREFEITO BARBOSA NETO- P.D.T. TEM TODO O APÓIO DA MILITANCIA E SIMPATIZANTES.