Por Esmael Morais

Chávez diz que concorrerá à  reeleição em 2012

Publicado em 25/07/2011

“Não pensei um só minuto em afastar-me da Presidência, se tivesse razões fá-lo-ia, sobretudo se as tivesse no âmbito físico e mental”, disse Chávez, ao ressaltar a sua pretensão de permanecer no poder.

Ao regressar a Caracas, no sábado, Chávez disse que as análises que fez em Cuba não detectaram novas células malignas.

No dia 10 de junho, o presidente venezuelano foi operado com urgência em Cuba devido a um “abcesso pélvico”. Em 1!º de julho, enviou uma mensagem ao país para anunciar que, em uma segunda operação, em 20 de junho, tinha sido extraído um tumor com células cancerígenas.

Em 16 de julho, o Parlamento venezuelano aprovou deslocamento de Chávez a Cuba para voltar a fazer tratamentos de quimioterapia. Na quinta-feira (21), Chávez anunciou que terminou com êxito a primeira etapa de quimioterapia.

Presidente da Venezuela desde 1999, Hugo Chávez, de 56 anos, promoveu um referendo constitucional, em 2009, para acabar com o limite de dois mandatos consecutivos na chefia do Estado.