Caso Derosso: Segunda-feira tem protesto na Câmara de Curitiba

Gestão do tucano João Cláudio Derosso (PSDB) na Câmara está sob suspeita.

Os vereadores da Câmara Municipal de Curitiba serão recebidos na volta do recesso, na segunda-feira, dia 1 de agosto, à s 13 horas, com uma manifestação organizada por partidos políticos e entidades sindicais e do movimento popular.

PT, PMDB, PCdoB, PSC, PV e PDT – aliados a sindicatos ligados à  CUT e à  Femotiba – decidiram na manhã desta quinta-feira (28) a realização do primeiro protesto pela investigação do presidente da Câmara, vereador João Cláudio Derosso (PSDB), acusado de favorecer a esposa em contrato de publicidade milionário.

Comentários encerrados.