Câmara indefere pedido de cópias de contratos de publicidade

por Ivan Santos, via blog Política em Debate

Professora Josete (PT): Câmara nega cópia de contratos de publicidade.

A Diretoria de Administração e Finanças da Câmara Municipal de Curitiba indeferiu nesta sexta-feira o pedido da vereadora Professora Josete (PT) que solicitava cópias dos contratos celebrados com as empresas Oficina da Notícia e Visão Publicidade. No mesmo ofício, a parlamentar também solicitou a cópia do edital da licitação vencida por essas agências e os termos aditivos dos contratos.

O objetivo, segundo a petista, era esclarecer os motivos que levaram o Tribunal de Contas a solicitar informações ao Presidente João Claudio Derosso (PSDB) acerca da contratação de serviços publicitários. Para Professora Josete, a negativa deixa o caso ainda mais nebuloso. Já seria um absurdo se a Câmara negasse esse tipo de informação à  sociedade, de uma forma geral, mas é pior ainda perceber que nem os vereadores têm acesso à  verdade dos fatos!, protesta.

Sem esses documentos, é impossível saber que tipo de serviço foi contratado!, diz. A impressão que fica é a de que não foi prestado serviço algum, pois, com exceção de colunas em alguns jornais, não temos ciência de campanhas publicitárias que justificassem os valores milionários dos contratos!, afirma. Além disso, se não houvesse o que esconder, certamente haveria interesse em esclarecer as denúncias e o acesso aos documentos seria facilitado!, pondera.

O argumento utilizado para a rejeição do pedido da vereadora foi o de que ela deveria solicitar os documentos em Plenário, por meio de um pedido de informações oficiais, que precisaria ser aprovado pela maioria dos vereadores.

7 Comentários

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. Bom Dia Esmael

    A conjuntura corrupta no Brasil esta criando monstros…. logo veremos tragédias como na Noruega… salários miseráveis, sistema de saúde falido, desvalorização dos Professores, adolescentes marginais, sem limites, políticos roubando na cara dura, polícia a serviço da burguesia e ao patrimonio financeiro, urnas eletrônicas fraudulentas, obrigação de voto nojenta… oligarquias políticas se revesando no poder através desse sistema eleitoral safado… é só uma questão de tempo.

  2. A vereadora deve, então, se dirigir ao plenário, porém, antes, avisar a população para irmos à Câmara em peso testemunhar QUAL serão os VEREADORES que não darão respaldo a esse DIREITO da vereadora e do povo curitibano em ter em mãos esses “documentos”. Afinal, para que servem vereadores? Não seria para fiscalizar o dinheiro público?

  3. Como é que é ? Os caras tem coragem de esconder um documento que deve ser obrigatóriamente de domínio público, pois trata-se de um orgão público e de dinheiro público, ou seja NOSSO! É brincadeira mesmo !!!!!! Que cambada de PILANTRAS.

  4. É isso mesmo, parece que o tal Derosso implantou esse regime de exceção há anos e quase todos se conformam com ele, inclusive o povo que vota nele. O que fazer quando uma vereadora não é atendida naquilo que é a mais elementar das suas reivindicações? Acesso a documento público é público ou não? na Câmara de Curitba parece que não é.

  5. KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKkkkkk

    HOMEM SÉRIO E DEMOCRÁTICO!!!!
    EXCELENTE NOME PARA O VICE DO DUCCI!!!

    VAMOS LUTAR PARA ISSO!!!!!!!!!!

    DUCCI GANHANDO A ELEIÇÃO EM 2012 PODERÁ NOMEÁ-LO SECRETARIO DE COMUNICAÇÃO SOCIAL DA PREFEITURA!!!!

    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  6. Com que direito a Camara Municipal se nega dar copia de contratos? Estes documentos são públicos e pagos com nosso dinheiro. Uma atitude como esta deve ser respondida com MANIFESTAÇAO POPULAR IMPIEDOSA, para demonstrar que nem Camara Municipal tampouco Assembleia Legislativa, Governo Estadual ou Municipal não tem donos. O unico mantenedor destas instituições é o POVO que merece respeito e acesso a todas as informações. É chegado o momento de dar um basta na arrogancia destes irresponsáveis que se acham acima do bem e do mal e cometem crimes com certeza da impunidade que com a LIBERDADE DE IMPRENSA e PRESSÂO POPULAR esta com os dias contados. DEROSSO NÃO PASSA DE UM ALFREDO NASCIMENTO LOCAL. TEM QUE CAIR.

  7. Como assim: a diretoria administrativa da câmara se negou a dar cópia de um contrato da câmara para um vereador?????? Que regime de exceção é esse que o Derosso implantou na câmara????