29 de julho de 2011
por esmael
17 Comentários

Derosso reforça a segurança e critica “traíras” tucanos

Para Derosso, PSDB virou um ninho de cobras.

O presidente da Câmara Municipal de Curitiba, vereador João Cláudio Derosso (PSDB), decidiu que pedirá reforço à  Polícia Militar para fazer a segurança da Casa na segunda-feira (1), quando será realizada uma manifestação organizada por seis partidos (PT, PMDB, PSC, PV, PCdoB e PDT) e movimentos sociais. Leia mais

29 de julho de 2011
por admin
3 Comentários

Vinte novos partidos buscam registro na Justiça Eleitoral, diz TSE

Do G1

Ao menos 20 partidos políticos buscam registro na Justiça Eleitoral, informou o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) com base em levantamento realizado em parceria com os tribunais regionais eleitorais (TREs) e divulgado nesta sexta-feira (29).

Segundo o TSE, a legislação exige que os partidos obtenham o registro ao menos um ano antes das eleições à s quais pretendem concorrer. Para os partidos que pretendem concorrer à s eleições de 2012, marcadas para 7 de outubro, o registro deve ser concedido pelo TSE nos próximos 70 dias.

De acordo com a legislação que regulamenta os partidos políticos, a nova legenda deve ter apoio de no mínimo 0,5% dos eleitores, em pelo menos nove estados, que tenham votado para deputado federal nas últimas eleições.

O apoio deve ser comprovado por assinatura acompanhada do número do título eleitoral. Se considerada a eleição de 2010, o número de assinaturas que a nova legenda deve arregimentar é de aproximadamente 490 mil.

Novas legendas

29 de julho de 2011
por esmael
4 Comentários

Vereadores reunidos para avaliar denúncias contra Derosso

O líder do governo municipal na Câmara, vereador João do Suco (PSDB), convocou nesta sexta (29) uma reunião de emergência com a base. Está acontecendo neste momento. Um dos pontos na pauta são as recentes denúncias contra o presidente da Casa, João Cláudio Derosso (PSDB), acusado de favorecer a esposa em contrato de publicidade. Coisa de R$ 30 milhões. Leia mais

29 de julho de 2011
por esmael
Comentários desativados em Governo vai pedir ajuda de hackers para não ter mais sites atacados

Governo vai pedir ajuda de hackers para não ter mais sites atacados

da Agência Estado

O ministro da Ciência e Tecnologia, Aloizio Mercadante, anunciou hoje que o governo vai procurar a comunidade de hackers para pedir ajuda na construção do projeto Aquarius, que se destina a promover segurança cibernética de dados no Brasil. De acordo com Mercadante, há mais de 21 bilhões de operações financeiras que transitam na rede no País.

O tráfego aéreo também necessita de segurança constante. Em vez de criminalizar os hackers, o governo tentará um acordo para que colaborem na construção desse projeto, que será desenvolvido no Centro de Defesa Cibernética do Comando do Exército.

“Não podemos confundir hackers éticos com os crackers, que são piratas destruidores que atuam na rede. Os hackers, ao contrário, são colaboradores do País. O que eles querem é mais transparência e mais eficiência do governo, e isso nós também queremos. Eles são jovens talentosos, não podemos criminalizá-los”, disse o ministro.

29 de julho de 2011
por esmael
1 Comentário

Em Londrina, Vargas diz que vai de Márcia Lopes

por Pauline Almeida, via ODiário.com

O deputado federal André Vargas (PT) afirmou, na manhã desta sexta-feira (29), que abrirá mão de sua pré-candidatura para concorrer à  Prefeitura de Londrina, caso a ex-ministra do Desenvolvimento Social e Combate à  Fome, Márcia Lopes, aceite ser o nome do Partido dos Trabalhadores (PT).

Vargas acredita que, diante da conjuntura política atual, seria mais interessante que ele se dedicasse à  articulação em nível estadual e nacional do partido, principalmente no trabalho pelas candidatutas petistas durante as eleições municipais de 2012.

Seria importante que o partido se unisse em torno de uma chapa única na convenção que definirá o candidato petista ao cargo de chefe do executivo municipal, acredita o deputado.

Eu acho que o PT tem que ter candidato, até porque é o único partido de oposição real ao PDT, com uma postura crítica ao que vem sendo feito. Os três vereadores têm agido de forma unida e articulada e eu mesmo tenho me posicionado!, declarou.

Por fim, o deputado disse que estará à  disposição do que o partido decidir, mas sua compreensão do quando político é de que Márcia Lopes é a candidata apropriada para o momento.

Apesar de já ter garantido o apoio de André Vargas, a ex-ministra do Desenvolvimento Social e Combate à  Fome, Márcia Lopes, ainda não decidiu se colocará seu nome como pré-candidata à  prefeitura.

Eu não avancei na discussão partidária, inicialmente não era meu projeto para agora. Fui convidada para trabalhar com projetos sociais na Améria Latina, estou me aposentando na UEL. Não era meu projeto pessoal, nesse momento não coloco nenhuma candidatura!, d

29 de julho de 2011
por esmael
1 Comentário

Lula nega que disputará Presidência em 2014

da Agência Estado

No segundo dia de compromissos no Rio de Janeiro, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva negou que pretenda disputar a Presidência da República em 2014 e disse que a presidente Dilma Rousseff só não tentará a reeleição se não quiser. Lula respondeu ao ex-governador de São Paulo, José Serra, do PSDB, que disse acreditar em uma candidatura do ex-presidente em 2014.

“Só há uma hipótese de Dilma não ser candidata: ela não quiser. O Serra está preocupado é com a candidatura dele próprio e não consegue nem resolver os problemas internos do PSDB”, disse Lula em rápida entrevista depois de participar de um seminário na Escola Superior de Guerra (ESG).

Lula estava acompanhado, entre outras autoridades, do ministro da Defesa, Nelson Jobim, que na semana passada disse ter votado em Serra, de quem é amigo, e não em Dilma na eleição de 2010. Lula defendeu Jobim. “Tem gente que não gosta de mim e votou em mim, tem gente que gosta de mim e não votou. Não se pode fazer política pensando nisso”, afirmou Lula.

Durante a palestra, Lula disse que a oposição torce contra o governo. “Quando você ouvir o cara de oposição falar ‘estou torcendo para dar certo’, não acredita, não. à‰ o inverso. Eles estão torcendo para a inflação voltar, para o desemprego aumentar”, disse o ex-presidente à  plateia formada por militares alunos da ESG.

29 de julho de 2011
por esmael
1 Comentário

Dilma recebe hoje a presidente argentina Cristina Kirchner

da Folha.com

A presidente Dilma Rousseff recebe nesta sexta-feira (29), em Brasília, a presidente da Argentina, Cristina Kirchner, como parte das reuniões bilaterais semestrais acordadas por ambas durante uma viagem da brasileira ao país em janeiro deste ano.

As chefes de Estado devem discutir temas como a agenda bilateral, que no último mês foi marcada por um crise comercial, e questões políticas, como o andamento da integração regional.

Durante a visita oficial de Cristina, também será criado o Conselho Empresarial Brasil-Argentina, planejado pelas presidentes quando Dilma esteve em Buenos Aires, no começo deste ano.

Kirchner vem ao Brasil cumprir agenda bilateral acordada em viagem da brasileira à  Argentina em janeiro deste ano
“O Conselho tem o propósito de aproximar as comunidades de negócios dos dois países para discutir questões de interesse mútuo, como competitividade, desenvolvimento científico e tecnológico e estratégias comuns de inserção nos mercados internacionais”, explicou o Ministério de Relações Exteriores brasileiro por meio de nota oficial.

Está previsto que as duas se reúnam durante o período da manhã no Palácio do Planalto. Na parte da tarde, Cristina vai participar, com o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, da cerimônia de inauguração de uma embaixada argentina na capital.

Dilma e Cristina firmaram 14 acordos de integração nas áreas econômica, científica, nuclear e geopolítica durante a primeira visita da mandatária brasileira à  Argentina.

<

29 de julho de 2011
por admin
2 Comentários

Milton Buabssi pede anulação da convenção do PMDB de Curitiba

Elizabete Castro – O Estado do Paraná

Um dos ex-presidentes do diretório do PMDB, Milton Buabssi protocolou pedido de anulação da convenção realizada no dia 17, que elegeu o senador Roberto Requião (PMDB) para a presidência do partido na capital. Buabssi requereu formalmente à  executiva estadual que não faça o registro do novo diretório alegando que a eleição dos integrantes desrespeitou o estatuto do partido.

Bubassi foi um dos membros da chapa única ao diretório. Como ex-presidente da sigla, Buabssi é membro nato do diretório. No pedido de não anotação feito à  executiva, Buabssi argumenta que o colégio eleitoral para escolher os membros do diretório municipal eram os delegados zonais, os membros do diretório estadual e parlamentares com domicílio em Curitiba. Na convenção, tiveram direito a voto todos os filiados da cidade.

“Aos filiados cabe apenas eleger os diretórios zonais. Não há nada de pessoal contra ninguém do novo comando. Minha iniciativa visa apenas defender a legalidade”, disse Buabssi, que se não obtiver resposta favorável da executiva estadual, garante que irá recorrer à  executiva nacional do PMDB.

Mais ligado ao ex-governador Orlando Pessuti, que teve parte do seu grupo excluído do diretório, Buabssi afirmou que não vê problemas em Requião assumir a presidência do partido. Mas desde que eleito de acordo com as regras do estatuto do PMDB. “Não é contra ou a favor do Requião. Apenas acho que o deve haver respeito ao estatuto”, disse.

No requerimento à  executiva estadual, Buabssi pede que o