Flávio Arns pode deixar a Secretaria de Educação

Pressionado, vice-governador Flávio Arns pede para sair da SEED.

Uma fonte no Palácio das Araucárias considera que o vice-governador Flávio Arns (PSDB), secretário da Educação, deixará a pasta até o final desta semana.

Alguns palacianos estariam tentando demovê-lo da ideia ou, pelo menos, adiar a decisão. Outros nem tanto, pois torcem para que ele saia imediatamente da Educação.

Arns teria avaliado que o cabo-de-guerra com professores, que exigem o cumprimento de promessa de reajuste feita na campanha, está causando danos que podem ser “irreversíveis” e lhe comprometer o futuro político.

Nos bastidores da Secretaria de Educação, é tido como certo que o assessor especial Paulo Schimidt substituirá Arns.

Há uma pedra no caminho de Schimidt, no entanto. A superintendente Meroujy Cavet também sonha ser secretária da Educação.

Comentários encerrados.