crivella_cristoNo dia em que o presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), sofreu importante revés na Comissão de Ética, que abriu processo de cassação contra ele, o instituto Paraná Pesquisas divulgou sondagem sobre a corrida pela Prefeitura do Rio de Janeiro. Os números mostram que o senador Marcelo Crivella (PTB), aliado da presidente Dilma Rousseff (PT), larga na frente com vantagem.

De acordo com a Paraná Pesquisas,  Crivella tem 33,7% das intenções de voto. O senador Romário (PSB), com 21,1%, está em segundo. Em terceiro, 9,7%, aparece Marcelo Freixo (Psol). O deputado Jair Bolsonoro (PP) surge com 8,3%, na quarta posição. (mais…)

codaparCom os salários atrasados e sem previsão de recebimento da segunda parcela do 13.º, os funcionários da Companhia de Desenvolvimento Agropecuário do Paraná (Codapar) entram em greve nesta terça-feira (15) por tempo indeterminado. A Codapar é vinculada à Secretaria de Estado da Agricultura e do Abastecimento (Seab) e possui mais de 350 funcionários.

A decisão da greve foi tomada em assembleia da categoria, promovida pelo Sindicato dos Engenheiros no Estado do Paraná (Senge-PR) e Sindaspp nesta segunda-feira (14) em Curitiba e Paranaguá. Com a paralisação, serviços de distribuição da merenda escolar e da importação e exportação de produtos agrícolas tendem a ficar comprometidos. (mais…)

da Agência do Brasil

cunha_corvo

Conselho de Ética vota pela continuidade de ação contra Cunha

Por 11 votos a 9, o Conselho de Ética da Câmara votou a favor do parecer do deputado Marcos Rogério (PDT-RO), que mantém a admissibilidade da representação contra o presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), por quebra de decoro parlamentar.  A decisão dá continuidade às investigações sobre o presidente da Câmara. Cunha é acusado dos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro e por ter prestado falso testemunho quando depôs na CPI da Petrobras negando ter contas secretas no exterior. (mais…)

Clique na imagem para assistir ao vivo (via R7).

Clique na imagem para assistir ao vivo (via TV Câmara).

Membros da Comissão de Ética da Câmara votaram contra pedido de vista do relatório pela admissibilidade do processo de cassação de Eduardo Cunha (PMDB-RJ). Sim 11, pela continuidade dos trabalhos, 9 contra a interrupção.

Portanto, o colegiado segue analisando a matéria e a votação ainda aconteça nesta oitava tentativa de abertura do processo de afastamento de Cunha.

O presidente da Câmara é acusado de quebra de decoro ao mentir sobre existência de contas secretas na Suíça. Ele também é investigado por receber propina da Petrobras.

Assista ao vivo (via TV Câmara): (mais…)

Deputado João Arruda (PMDB-PR), um dia após o presidente da Federação das Indústrias de São Paulo (Fiesp), Paulo Skaf, anunciar apoio ao impeachment da presidente Dilma Rousseff (PT), nesta terça-feira (15), denuncia sonegação de impostos no ‘Sistema S’ que, segundo ele, pode chegar a R$ 18 bilhões ao ano; recurso arrecadado compulsoriamente seria desviado da finalidade, que é formação de mão de obra dos trabalhadores, para especulação no mercado financeiro; "Ora, se existem recursos do ‘Sistema S’ que não estão sendo aplicados na formação dos trabalhadores, mas nos bancos, o que impede a destinação para saúde? ", questiona o colunista, que propõe a substituição da CPMF pela retenção dos repasses para essas entidades para financiar a saúde; “Elas podem até fugir do Fisco, mas não podem mais se esquivar da realidade”, prega Arruda; leia, ouça, comente e compartilhe.

Deputado João Arruda (PMDB-PR), em sua coluna desta terça-feira (15), denuncia sonegação de impostos no ‘Sistema S’ que, segundo ele, pode chegar a R$ 18 bilhões ao ano; manifestação do parlamentar ocorre após o presidente da Federação das Indústrias de São Paulo (Fiesp), Paulo Skaf, no domingo 13, anunciar apoio ao impeachment da presidente Dilma Rousseff (PT), no dia em que o AI-5 completou 47 anos; de acordo com Arruda, recurso arrecadado compulsoriamente pelo ‘Sistema S’ seria desviado da finalidade, que é formação de mão de obra dos trabalhadores, para especulação no mercado financeiro; “Ora, se existem recursos do ‘Sistema S’ que não estão sendo aplicados na formação dos trabalhadores, mas nos bancos, o que impede a destinação para saúde? “, questiona o colunista, que propõe a substituição da CPMF pela retenção dos repasses para essas entidades visando financiar a saúde pública do país; “Elas podem até fugir do Fisco, mas não podem mais se esquivar da realidade”, prega o colunista João Arruda, que é sobrinho do senador Roberto Requião (PMDB-PR); leia, ouça, comente e compartilhe.

Download do áudio

João Arruda*

É dinheiro que não acaba mais. Segundo a Controladoria Geral da União (CGU), o ‘Sistema S’ teve receita de R$ 31,09 bilhões em 2014. Para 2016, a estimativa é atingir R$ 36 bilhões.

Esses valores vêm da contribuição sobre a folha de salário. São, portanto, considerados recursos públicos e entram no cálculo da carga tributária. A Constituição determina que esse dinheiro financie as entidades, que são de direito privado. Ou seja: o poder público não interfere na destinação dessas receitas.

Pois é. Aí, é que a coisa complica. O ‘Sistema S’ recebe contribuições compulsórias das empresas a pretexto de promover a qualificação de trabalhadores da indústria e do comércio. Metade dos recursos, no entanto, não passam pela fiscalização da Receita Federal. O patinho amarelo devora o leão. (mais…)

Ex-vereador Juliano Borghetti, preso nesta terça-feira (15) pelo Gaeco, é irmão da vice-governadora e cunhado de Ricardo Barros, o homem que pretende cortar R$ 10 bilhões do Bolsa Família; há dois anos, Borghetti já havia tido restrição de liberdade por briga em torcida organizada.

Ex-vereador Juliano Borghetti, preso nesta terça-feira (15) pelo Gaeco, é irmão da vice-governadora e cunhado de Ricardo Barros, o homem que pretende cortar R$ 10 bilhões do Bolsa Família; há dois anos, Borghetti já havia tido restrição de liberdade por briga em torcida organizada.

O ex-vereador de Curitiba, Juliano Borghetti, foi preso na manhã desta terça-feira (15) pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco).

O ex-parlamentar é irmão da vice-governadora Cida Borghetti (PROS) e cunhado do deputado federal Ricardo Barros (PP), vice-líder do governo, que defende corte de R$ 10 bilhões no orçamento do Bolsa Família. (mais…)

do Brasil 247 

Polícia Federal está na porta da residência oficial da Câmara dos Deputados, com três carros isolando a área, para cumprir um mandado de busca e apreensão contra o presidente da Casa, Eduardo Cunha (PMDB); a ação, batizada de Catilinária, foi pedida pela Procuradoria-Geral da República e teve aval do ministro do Supremo Tribunal Federal Teori Zavascki; Cunha é acusado de envolvimento na Lava Jato e tem contra ele um processo de cassação na Comissão de Ética sobre suas contas não declaradas na Suíça; também estão sendo cumpridos mandados em sua residência no Rio; senador Édison Lobão é também alvo da operação, assim como o ministro de Ciência e Tecnologia, Celso Pansera; como presidente da Câmara, Cunha se aliou ao PSDB e ao DEM para tentar derrubar a presidente Dilma Rousseff, por meio de um golpe parlamentar; ao todo, são 53 mandados de busca e apreensão.

Polícia Federal está na porta da residência oficial da Câmara dos Deputados, com três carros isolando a área, para cumprir um mandado de busca e apreensão contra o presidente da Casa, Eduardo Cunha (PMDB); a ação, batizada de Catilinária, foi pedida pela Procuradoria-Geral da República e teve aval do ministro do Supremo Tribunal Federal Teori Zavascki; Cunha é acusado de envolvimento na Lava Jato e tem contra ele um processo de cassação na Comissão de Ética sobre suas contas não declaradas na Suíça; também estão sendo cumpridos mandados em sua residência no Rio; senador Édison Lobão é também alvo da operação, assim como o ministro de Ciência e Tecnologia, Celso Pansera; como presidente da Câmara, Cunha se aliou ao PSDB e ao DEM para tentar derrubar a presidente Dilma Rousseff, por meio de um golpe parlamentar; ao todo, são 53 mandados de busca e apreensão.

(mais…)

estacionamento

Em sua coluna semanal, Marcelo Araújo aborda a questão das vagas de estacionamento para idosos e deficientes em estacionamentos privados. Para ele, é difícil explicar que a fiscalização pública ‘enxergue’ apenas essa irregularidade e feche os olhos a todas as demais que são cometidas nestes espaços. Ou vale pra tudo ou pra nada, não pode ser seletiva. Leia, ouça, comente e compartilhe.

Download

Marcelo Araújo*

Ainda inspirado no tratamento jocoso e desrespeitoso do prefeito de Curitiba aos idosos e deficientes, estacionando seu carro de uso oficial em vagas de idosos, e seu desgraçado outdoor crítico aos privilégios dos deficientes; pretendo convidar o leitor a reflexão sobre o direito (e não privilégio) a vagas de estacionamento.

No caso dos Idosos é a Lei 10.741/03 em seu Art. 41 que estabelece a destinação de 5% das vagas de estacionamento em vias públicas e locais de uso público, enquanto a Lei 10.098/00 em seu Art. 7º prevê 2% das vagas a deficientes.

Em nenhum momento, tais leis determinam ou limitam que tais vagas sejam aquelas com área compatível a um automóvel médio, portanto tais direitos são aplicáveis também às vagas destinadas a motocicletas, ou até mesmo para-ciclos (já que as leis não se referem a motorizados). Ou por acaso não há pessoas nessas condições que utilizam motocicletas e bicicletas? Essa exclusão seria indício de preconceito?

Outro tema que gera muito debate é a fiscalização em vias privadas de uso público, como shoppings, mercados, etc. O tema não se refere à obrigação da destinação desses percentuais em vias públicas ou privadas de uso público, pois nesse aspecto as leis são claras. O problema é se a infração e consequente penalidade são aplicáveis em tais locais privados. (mais…)

fiasco

Em sua coluna desta terça-feira, o deputado federal Enio Verri (PT) comenta o fracasso das manifestações pelo impeachment da presidenta Dilma Rousseff (PT) no domingo (13) por todo o País. Segundo ele, a desarticulação das manifestações mostram que a oposição escolheu o lado obscuro do golpismo atentando contra a democracia nacional. Leia, comente e compartilhe.

Enio Verri*

De exilado na ditadura militar a patrocinador de um processo de impeachment baseado em atos políticos e não legais, as estranhezas que rondam a trajetória do senador José Serra e do PSDB refletem o metrô desgovernado que se encontra a oposição brasileira.

A desarticulação das manifestações nas ruas contra o impedimento da presidente Dilma Rousseff, promovidas por setores da direita e apropriadas por opositores, não só comprovam que, novamente, a oposição escolheu o lado obscuro, como ainda, a desorientação de uma pequena parcela que pede menos democracia.

Representado por lideranças do PSDB, patos de borracha, camisas com frases ofensivas e a presença de subcelebridades, como Alexandre Frota, os protestos se enfraquecem ao passo que seus atores agridem minorias e assumem a defesa de Eduardo Cunha, atolado em denúncias de corrupção.

Posições questionáveis até mesmo para os eleitores e apoiadores de uma elite que a todo custo, mesmo que represente o fim de avanços e garantias de um estado democrático, visa a tomada do poder e a retomada de um projeto que prevalece as individualidades e desigualdades. (mais…)

Charge de Alves para A Charge Online.

Charge de Alves para A Charge Online.

capaJornais do Paraná

Gazeta do Povo: Às vésperas do recesso, Alep vota pacotão de “benesses”

Bem Paraná: Temporada de verão no Paraná tem apenas 54 dias. E litoral se divide

Jornal Metro: Cidade busca empresa para compartilhar carro elétrico

Folha de Londrina: Fator renda faz Brasil cair em ranking de IDH

Diário dos Campos: Águia Sistemas construirá fábrica de R$ 90 mi em PG

Jornal da Manhã: ‘Águia Sistemas’ anuncia R$ 90 mi em nova fábrica

O Paraná: Escândalo leva Gaeco a indiciar 36 empresários

Jornal Hoje: Trânsito deixa um morto a cada cinco dias

Gazeta do Iguaçu: Hospital Municipal suspende serviços de cirurgias eletivas

Diário do Noroeste: Paranavaí terá nova licitação para regularizar atuação de mototaxistas

Tribuna de Cianorte: Cianorte recebe R$ 2,27 milhões do Governo do Paraná

Umuarama Ilustrado: DER libera tráfego na PR-323 entre Umuarama e Cianorte

Tribuna do Norte: Mortes no trânsito caem 10% no Vale

Jornais de outros estados

Globo: Paes defende Dilma e ataca PMDB ligado a Temer

Folha: Amigo de Lula é denunciado sob suspeita de corrupção

Estadão: Blumlai é denunciado e confirma empréstimo ao PT

Valor: Falta demanda até para crédito com juro baixo

Estado de Minas: Nova chance para entrar nas federais

Zero Hora: Agropecuária deve encolher 5,37% em 2016

Presidente Dilma Rousseff (PT) recebeu nesta segunda-feira (14), como presente de aniversário, um manifesto contra o impeachment subscrito por 16 prefeitos de capitais, dentre eles Gustavo Fruet (PDT); petista completou hoje 68 anos; abaixo, leia a íntegra da carta contra o golpe e em defesa da democracia.

Presidente Dilma Rousseff (PT) recebeu nesta segunda-feira (14), como presente de aniversário, um manifesto contra o impeachment subscrito por 16 prefeitos de capitais, dentre eles Gustavo Fruet (PDT); petista completou hoje 68 anos; abaixo, leia a íntegra da carta contra o golpe e em defesa da democracia.

O prefeito de Curitiba, Gustavo Fruet (PDT), está entre os 16 que subscreveram um manifesto de prefeitos de capitais contra o impeachment e em apoio a presidente Dilma Rousseff (PT).

Em 2012, na eleição, Fruet recebeu apoio político de Dilma e puxou o PT para aliança dando-lhe a vice.

O diretório municipal do PT de Curitiba “amoleceu o coração” com o gesto de Gustavo Fruet. O partido cogita candidatura própria em 2016, o que significa romper a aliança com o pedetista.

Abaixo, leia a íntegra do manifesto de apoio dos prefeitos à presidente da República: (mais…)

Governador Beto Richa (PSDB-PR) fecha escolas e universidades para economizar, mas, contraditoriamente, promove verdadeira farra publicitária nas páginas golpista de Veja; desperdício de recurso público ocorreu, coincidentemente, ao anúncio da adesão do tucano ao golpe contra Dilma Rousseff; propaganda dupla na edição desta semana comemora a subida da economia paranaense para a quarta posição do Brasil, entretanto, na vida real, aumentam os calotes a fornecedores e servidores públicos; a pergunta que não quer calar: para aonde foi o dinheiro dos cidadãos da terra das araucárias? Para financiar o golpe de Veja?

Governador Beto Richa (PSDB-PR) fecha escolas e universidades para economizar, mas, contraditoriamente, promove verdadeira farra publicitária nas páginas golpista de Veja; desperdício de recurso público ocorreu, coincidentemente, ao anúncio da adesão do tucano ao golpe contra Dilma Rousseff; propaganda dupla na edição desta semana comemora a subida da economia paranaense para a quarta posição do Brasil, entretanto, na vida real, aumentam os calotes a fornecedores e servidores públicos; a pergunta que não quer calar: para aonde foi o dinheiro dos cidadãos da terra das araucárias? Para financiar o golpe de Veja?

O governador Beto Richa (PSDB) perdeu de vez a compostura – se é que já a teve alguma vez. Além de planejar o fechamento escolas em 2016, por falta de recursos, o tucano também deu calote na Universidade Estadual do Paraná (Unespar) que levou ao fechamento do campus da tradicional Faculdade de Artes do Paraná (FAP).

Ato contínuo, Richa promove uma verdadeira farra publicitária nas páginas da decadente revista Veja. Na edição desta semana, por exemplo, o semanário da Abril recebeu vistoso anúncio duplo (duas páginas) sobre “o avanço do Paraná à condição de 4ª maior economia do Brasil”, ultrapassando o vizinho estado do Rio Grande do Sul.

Antes de discutir o conteúdo de mais essa farra em propaganda, o Blog do Esmael abre um parêntese para recordar que na semana passada uma escola construída no município de Marechal Cândido Rondon não foi entregue porque a construtora levou um calote do tucano. Há também uma empresa de produtos odontológicos e hospitalares, a Litoral Sul, que reclama ter levado calote de R$ 500 mil de Richa. O material teria sido destinado à Secretaria de Estado da Saúde (SESA). É chover no molhado constantes as rasteiras que o governador passou nas progressões e promoções de professores e servidores. Fechemos o parêntese. (mais…)

fapOs calotes aplicados pelo governador Beto Richa (PSDB) não são nenhuma novidade. São fornecedores, servidores, aluguéis, gasolina para viaturas, e todo tipo de serviço ou mercadoria que se possa imaginar. O tucano não vacila em cortar pagamentos e atrasar repasses.

Desta vez aconteceu com a Faculdade de Artes do Paraná (FAP) que faz parte da Unespar (Universidade Estadual do Paraná), em Curitiba. Devido a atrasos de repasses para duas empresas prestadoras de serviço terceirizadas, uma de limpeza e segurança, outra de informática, som e iluminação.

Sem condições de funcionar sem esses serviços, o Conselho de Campus decidiu interromper as atividades acadêmicas até que a situação seja regularizada. A Faculdade oferece nove cursos de graduação e três de pós-graduação com cerca de mil estudantes. (mais…)

da Agência Brasil

Pinato_CunhaO PRB entrou hoje (14) com um mandado de segurança no Supremo Tribunal Federal (STF) para que o deputado federal Fausto Pinato (PRB-SP) seja reconduzido ao posto de relator do processo de cassação do mandato do presidente da Casa, Eduardo Cunha (PMDB-RJ). (mais…)

do Correio do Povo

Manu_pesquisaO Instituto Paraná Pesquisas e o Correio do Povo apresentam nesta segunda-feira a terceira pesquisa da série de consultas realizadas no Estado com o objetivo de avaliar a opinião pública sobre administrações federal e estadual e situação eleitoral em municípios.

A pesquisa realizada em Porto Alegre teve por objetivo avaliar a opinião da população da Capital sobre a administração municipal. Foram apresentados três cenários aos eleitores. Segundo os dados da consulta, a deputada estadual do PC do B, Manuela D´Ávila, venceria o pleito nos diversos cenários, incluindo eventual segundo turno onde ganharia mesmo com alternância de candidatos. (mais…)

Evento suprapartidário contra golpe será na quinta-feira (17), no Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, em São Bernardo, com transmissão ao vivo para o Brasil e o mundo pelo Blog do Esmael, em parceira com a TV 15; forças democráticas terão a oportunidade de modificar correlação de forças e retomar a ofensiva política na virada do ano.

Evento suprapartidário contra golpe será na quinta-feira (17), no Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, em São Bernardo, com transmissão ao vivo para o Brasil e o mundo pelo Blog do Esmael, em parceira com a TV 15; forças democráticas terão a oportunidade de modificar correlação de forças e retomar a ofensiva política na virada do ano.

As forças democráticas e progressistas resolveram retomar a iniciativa política neste final de 2015, pois na próxima quinta-feira, dia 17, realizarão um “Dia de Vigília Contra o Golpe” que começará às 13 horas e se encerrará na madrugada seguinte.

Dentre a programação oficial, às 22 horas, haverá um comício em defesa da democracia com as presenças do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), do ex-ministro Ciro Gomes (PDT), do senador Roberto Requião (PMDB-PR), do governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), e do prefeito de São Bernardo do Campo, Luiz Marinho (PT). (mais…)

mariav

Em sua coluna semanal, a deputada estadual Maria Victória (PP) defende o corte no programa Bolsa Família do governo federal. Para a deputada, o governo “dá o peixe” ao invés de “ensinar a pescar”. Leia, ouça, comente e compartilhe.

“A pior ditadura não é aquela que aprisiona o homem pela força,
mas sim pela fraqueza, fazendo-o refém das próprias necessidades”
Júlia Lícia

Maria Victoria Borghetti Barros*

Sou suspeita em falar sobre esse assunto, já que a proposta do corte no programa assistencialista Bolsa Família no orçamento do Governo Federal para o ano de 2016 é do deputado federal Ricardo Barros, meu pai. Mas sinto que devo emitir minha opinião: É triste ver o Governo Federal dando o peixe, ao invés de ensinar a pescar, ainda mais para mim, totalmente favorável ao investimento em educação a longo prazo no Brasil, acreditando ser a única salvação para o futuro de uma geração mais preparada e digna de ser brasileira.

O Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome afirma que 72% da população adulta beneficiada pelo Programa possui renda declarada, seja com emprego de carteira assinada ou com trabalho no mercado informal. O cartão Bolsa Família funciona como complemento de renda, ou seja, é demagogia dizer que as pessoas beneficiadas voltarão à miséria.

Significa somente que o PT perderá parte de seu eleitorado, amarrado e costurado por assistencialismo, populismo puro. Ao invés de dar condições dessas pessoas se capacitarem profissionalmente, e assim, caminharem com as próprias pernas, o Governo faz com que elas fiquem na dependência de tal benefício. (mais…)

A fórmula para segurar os Barros consistiria no PSDB lançar candidatura própria à sucessão de Richa. O nome para a tarefa seria do atual presidente da Assembleia, Ademar Traiano, que liberaria o cargo que ocupa para Ratinho Júnior num processo “sem disputa” no parlamento.

A fórmula para segurar os Barros consistiria no PSDB lançar candidatura própria à sucessão de Richa. O nome para a tarefa seria do atual presidente da Assembleia, Ademar Traiano, que liberaria o cargo que ocupa para Ratinho Júnior num processo “sem disputa” no parlamento.

O Blog do Esmael mostrou na semana passada que o deputado licenciado e secretário de Urbanismo (SEDU), Ratinho Júnior, do PSC, planeja retornar à Assembleia para presidi-la a partir de 2017. Também registrou que a medida seria profilática no sentido de barrar o avanço da família Barros rumo a 2018.

Pois bem, a partir de abril de 2018 o governador Beto Richa (PSDB), se quiser um mandato que lhe dê imunidade, terá que desincompatibilizar-se. Aí, assume a vice-governadora Cida Borghetti (PROS), mulher de Ricardo Barros (PP), “temido por todos os tucanos no Palácio Iguaçu”. (mais…)

Segundo o jornalista Celso Nascimento, colunista do blog Gazeta do Povo, “após 17 anos sem nunca dar expediente, o servidor Ygor Siqueira acaba de ser demitido dos quadros da Câmara. Ganhava R$ 17 mil por mês”. Ou seja, o presidente da confraria Boca Maldita, que homenageou o juiz Sérgio Moro, era funcionário “fantasma” do poder legislativo municipal desde 1998.

Segundo o jornalista Celso Nascimento, colunista do blog Gazeta do Povo, “após 17 anos sem nunca dar expediente, o servidor Ygor Siqueira acaba de ser demitido dos quadros da Câmara. Ganhava R$ 17 mil por mês”. Ou seja, o presidente da confraria Boca Maldita, que homenageou o juiz Sérgio Moro, era funcionário “fantasma” do poder legislativo municipal desde 1998.

O coordenador da operação Lava Jato, juiz Sérgio Moro, recebeu ontem (13) à noite, em Curitiba, homenagem da confraria “Boca Maldita”, que é presidida por Ygor Siqueira.

Ygor herdou do pai dele, Anfrísio Siqueira, a presidência da entidade, que tradicionalmente realiza jantar para os novos cavalheiros da Boca Maldita no dia 13 de dezembro.

Dito isto, vamos à homenagem ao doutor juiz Sérgio Moro. (mais…)

Agenda

fevereiro 2016
S T Q Q S S D
« jan.    
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
29  

Em discussão

Lista de Links

Publicidade

Publicidade

Copyright © 2009-2015 Esmael Morais. Todos os direitos reservados.