Charge de Paixão - Gazeta do Povo (PR).

Charge de Paixão – Gazeta do Povo (PR).

Compartilhe esta informação
  • Print
  • Facebook
  • Twitter
  • Google Bookmarks
  • email
  • Live
  • PDF
  • RSS

capa_gazetado_povoJornais do Paraná

- Gazeta do Povo: Um duro golpe

- Jornal de Londrina: Brasil vence jogo, mas perde Neymar

- Folha de Londrina: Brasil bate Colômbia e perde Neymar para duelo com Alemanha

- O Diário (Maringá): Área liberada para obras volta a crescer

- Diário dos Campos: Inadimplência no comércio de PG cresce 29,6% emem um ano

- Jornal da Manhã: Nova tarifa será anunciada amanhã

- Tribuna do Interior: Perigo no trânsito

- O Paraná: União mantém fechada escola de R$ 6,5 milhões

- Gazeta do Paraná: Neymar está fora da Copa

- Jornal Hoje: Edgar e Maurício vão recorrer do bloqueio de bens

- Gazeta do Iguaçu: Justiça manda desocupar as margens do Rio Paraná

- Tribuna de Cianorte: Licitação de fogos de artifício levanta suspeita em Cianorte

- Umuarama Ilustrado: ZNão uso do cinto rende uma multa por dia

- Tribuna do Norte: Vitória e drama

Jornais de outros estados

- Globo: Neymar está fora da Copa Zaga põe Brasil nas semifinais

- Folha: Brasil vai à semifinal, mas Neymar está fora da Copa

- Estadão: Neymar fora da Copa

- Correio: A dor que calou nossa alegria

- Estado de Minas: Agora é por você, Neymar

- Zero Hora: Brasil avança sem Neymar

Capas de revistas:

- CartaCapital: Campanha eleitoral, a largada

- Veja: Agora é na raça!

- IstoÉ: Atenção! Você é manipulado pelas redes sociais

- Época: Eu acredito!

Compartilhe esta informação
  • Print
  • Facebook
  • Twitter
  • Google Bookmarks
  • email
  • Live
  • PDF
  • RSS

do Brasil 247

Hashtag #ForçaNeymar é a mais replicada do planeta, com 1,3 milhão de postagens em uma hora; comunidade global comovida com saída de craque brasileiro da Copa, em razão de fratura na terceira vértebra lombar; indignação generalizada com padrão Fifa de arbitragens; mau intencionado Zuñiga, o 18 da Seleção da Colômbia, nem sequer foi advertido por joelhada pelas costas que fraturou terceira vértebra lombar de Neymar; juiz espanhol Carlos Velasco Carballo foi omisso em diversas faltas desleais cometidas antes; Mundial é marcado por barbeiragens de árbitros que deixaram de marcar pênaltis, permitiram indisciplina e feriram regras básicas do esporte; enrolada no escândalo dos ingressos falsos, que envolve filho de argentino Julio Grondona, braço direito do presidente Joseph Blatter, Fifa faz de tudo para estragar a festa; "viejos hijos de puta", como disse presidente do Uruguai, Pepe Mujica.

Hashtag #ForçaNeymar é a mais replicada do planeta, com 1,3 milhão de postagens em uma hora; comunidade global comovida com saída de craque brasileiro da Copa, em razão de fratura na terceira vértebra lombar; indignação generalizada com padrão Fifa de arbitragens; mau intencionado Zuñiga, o 18 da Seleção da Colômbia, nem sequer foi advertido por joelhada pelas costas que fraturou terceira vértebra lombar de Neymar; juiz espanhol Carlos Velasco Carballo foi omisso em diversas faltas desleais cometidas antes; Mundial é marcado por barbeiragens de árbitros que deixaram de marcar pênaltis, permitiram indisciplina e feriram regras básicas do esporte; enrolada no escândalo dos ingressos falsos, que envolve filho de argentino Julio Grondona, braço direito do presidente Joseph Blatter, Fifa faz de tudo para estragar a festa; “viejos hijos de puta”, como disse presidente do Uruguai, Pepe Mujica.

A fatídica saída do atacante Neymar da Copa, por causa de uma fratura na terceira vértebra lombar durante o jogo da Seleção Brasileira contra a Colômbia nesta sexta-feira (4), está causando grande comoção nas redes sociais. No Twitter, a hashtag #ForçaNeymar já é o assunto mais comentado em todo o mundo. Após confirmação de que está fora, 565 mil tuítes foram publicados sobre Neymar em cinco minutos. Uma hora após notícia já são mais de 1 milhão de tuítes. (mais…)

Compartilhe esta informação
  • Print
  • Facebook
  • Twitter
  • Google Bookmarks
  • email
  • Live
  • PDF
  • RSS

Hoje é sexta-feira, dia de pequena pausa na brutalidade da política e de Momento Cultural. Também é momento de celebrar a “goleada” de 2 a 1 do Brasil em cima da Colômbia com o forró “Onde está você”, de Mariana Aydar. Que venha a Alemanha na semana que vem!

Compartilhe esta informação
  • Print
  • Facebook
  • Twitter
  • Google Bookmarks
  • email
  • Live
  • PDF
  • RSS
PT e PCdoB levam a sério possibilidade de "aposentar" senador Álvaro Dias utilizando a "arma secreta" Ricardo Gomyde na corrida pelo Senado; em seu discurso, ex-deputado comunista disse ontem (3) que tucano “é uma das vozes mais ácidas do Senado e é preciso renovação” e que "não sou candidato de empreiteira e nem do pedágio”, numa clara referência a Marcelo Almeida, herdeiro da poderosa CR Almeida.

PT e PCdoB levam a sério possibilidade de “aposentar” senador Álvaro Dias utilizando a “arma secreta” Ricardo Gomyde na corrida pelo Senado; em seu discurso, ex-deputado comunista disse ontem (3) que tucano “é uma das vozes mais ácidas do Senado e é preciso renovação” e que “não sou candidato de empreiteira e nem do pedágio”, numa clara referência a Marcelo Almeida, herdeiro da poderosa CR Almeida.

O ex-deputado federal Ricardo Gomyde (PCdoB), candidato ao Senado na coligação liderada pela senadora Gleisi Hoffmann (PT), foi bastante prestigiado na noite de quinta-feira (3), em Curitiba, pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e pela presidenta Dilma Rousseff.

Os petistas enalteceram o comunista em diversas oportunidades de seus discursos. Gomyde, por sua vez, retribuiu a confiança ao aliado PT ao afirmar que Álvaro Dias (PSDB) “é uma das vozes mais ácidas do Senado e é preciso renovação” e que “não sou candidato de empreiteira e nem do pedágio”, numa clara referência a Marcelo Almeida (PMDB).

PCdoB e PT levam a sério a eleição de Gomyde e a concomitante “aposentadoria” do tucano Álvaro Dias. Prova disso que a legenda vermelha trouxe ontem à capital paranaense Renato Rebelo, presidente nacional do partido, e mobilizou ônibus com militantes de diversas regiões do Paraná para o evento que ocorreu no Teatro do Positivo.

Compartilhe esta informação
  • Print
  • Facebook
  • Twitter
  • Google Bookmarks
  • email
  • Live
  • PDF
  • RSS

O senador Roberto Requião participa nesta sexta, a partir das 10h30, de reunião com lideranças regionais do PMDB no município de Cianorte, no Noroeste do estado. O peemedebista agradece à base partidária pelo apoio recebido na convenção de 20 de junho e dá o pontapé inicial à caminhada rumo ao Palácio Iguaçu.

O Blog do Esmael transmite ao vivo o evento peemedebista, direto da Associação Comercial e Industrial de Cianorte (ACIC), e será “cabeça de rede” disponibilizando o código para incorporação do vídeo aos demais blogs, sites e portais interessados.

Copie e cole o script em seu site: (mais…)

Compartilhe esta informação
  • Print
  • Facebook
  • Twitter
  • Google Bookmarks
  • email
  • Live
  • PDF
  • RSS

Eleitores curitibanos poderão reviver este ano embates das eleições de 2012, quando Greca mostrou asfalto que esfarelava e Ducci a ponte estaiada "sem água"; os dois ex-prefeitos vão disputar uma cadeira na Câmara Federal; qual deles será o mais votado na capital?

Eleitores curitibanos poderão reviver este ano embates das eleições de 2012, quando Greca mostrou asfalto que esfarelava e Ducci a ponte estaiada “sem água”; os dois ex-prefeitos vão disputar uma cadeira na Câmara Federal; qual deles será o mais votado na capital?

O engenheiro Rafael Greca é a mais nova “arma secreta” do PMDB nas eleições deste ano. O senador Roberto Requião, candidato do partido ao governo do Paraná, anunciou nesta sexta (4) o ex-prefeito de Curitiba para concorrer à Câmara Federal.

O objetivo de Requião é polarizar na capital com o ex-prefeito Luciano Ducci (PSB), pupilo do governador Beto Richa (PSDB), que também vai disputar uma cadeira de deputado federal.

Ducci foi tirado do segundo turno nas eleições municipais de 2012 justamente pela candidatura de Greca, que desconstruiu sua imagem de “bom gestor” no horário eleitoral no rádio e na TV.

Compartilhe esta informação
  • Print
  • Facebook
  • Twitter
  • Google Bookmarks
  • email
  • Live
  • PDF
  • RSS

Depois da “Ponte dos Cadeados” no Parque Barigui, Curitiba também precisava(!) de um cemitério turístico, não é¿ Pois tem: a página do prefeito Gustavo Fruet no Facebook está divulgando as visitas guiadas ao Cemitério São Francisco de Paula. E não é que tem muita gente que vai.

Depois da “Ponte dos Cadeados” no Parque Barigui, Curitiba também precisava(!) de um cemitério turístico, não é? Pois tem: a página do prefeito Gustavo Fruet no Facebook está divulgando as visitas guiadas ao Cemitério São Francisco de Paula. E não é que tem muita gente que vai.

Há alguns dias a Prefeitura divulgou em sua página no Facebook a adoção de uma ponte no Parque Barigui pelos namorados, que prendem cadeados na mureta como prova do amor eterno; como acontece numa ponte que atravessa o Rio Sena em Paris.

Pois bem, agora é a visita guiada ao Cemitério São Francisco de Paula, em Curitiba, que entrou para o calendário fixo da cidade e recebeu divulgação na página do prefeito de Paris, oops!, de Curitiba, Gustavo Fruet (PDT) no Facebook. Segundo a postagem há grande procura pela tour ao cemitério onde jazem figuras públicas como Maria Bueno e o Barão do Cerro Azul. (mais…)

Compartilhe esta informação
  • Print
  • Facebook
  • Twitter
  • Google Bookmarks
  • email
  • Live
  • PDF
  • RSS

do Brasil 247

Constrangida pelo sucesso do Mundial, reconhecido dentro e fora do Pais, oligopólio da mídia familiar no Brasil se escora no acidente de engenharia ocorrido ontem em Belo Horizonte para uma pequena vingança; na Folha, a queda de um viaduto se transformou em "Obra inacabada da Copa desaba e mata 1 em BH"; no Globo, "Viaduto de obra da Copa desaba e mata 2 em BH"; no Estado, "Viaduto planejado para Copa cai e mata 2"; nos três jornais, ênfase no fato de se tratar de uma obra do PAC, o Plano de Aceleração do Crescimento, que, embora federal, depende da execução de estados e municípios; no caso concreto, a responsabilidade pela execução da obra era da prefeitura de Belo Horizonte, governada por Marcio Lacerda, do PSB, que viu "falha de engenharia".

Constrangida pelo sucesso do Mundial, reconhecido dentro e fora do Pais, oligopólio da mídia familiar no Brasil se escora no acidente de engenharia ocorrido ontem em Belo Horizonte para uma pequena vingança; na Folha, a queda de um viaduto se transformou em “Obra inacabada da Copa desaba e mata 1 em BH”; no Globo, “Viaduto de obra da Copa desaba e mata 2 em BH”; no Estado, “Viaduto planejado para Copa cai e mata 2″; nos três jornais, ênfase no fato de se tratar de uma obra do PAC, o Plano de Aceleração do Crescimento, que, embora federal, depende da execução de estados e municípios; no caso concreto, a responsabilidade pela execução da obra era da prefeitura de Belo Horizonte, governada por Marcio Lacerda, do PSB, que viu “falha de engenharia”.

Até aqui, a imprensa familiar brasileira vinha sofrendo a maior goleada da história das Copas. Depois de apostar no fiasco da Copa do Mundo de 2014 e usar seus colunistas para disseminar o pânico de um vexame internacional, o pequeno oligopólio da mídia no Brasil tentou marcar nesta sexta-feira, dia em que o Brasil decide contra a Colômbia uma vaga nas semifinais, um golzinho de honra. Nem que para isso tenha sido necessário explorar uma tragédia, ocorrida ontem em Belo Horizonte, onde um viaduto desabou e matou duas pessoas. (mais…)

Compartilhe esta informação
  • Print
  • Facebook
  • Twitter
  • Google Bookmarks
  • email
  • Live
  • PDF
  • RSS

Governo Richa, controlador da Copel, recuou de todo o aumento de 35% agora diante da repercussão negativa, mas aplicou tarifaço de 25%; diferença de 10,1% na tungada será aplicada em junho de 2015; tarifaço vai afetar 4,2 milhões de clientes no Paraná.

Governo Richa, controlador da Copel, recuou de todo o aumento de 35% agora diante da repercussão negativa, mas aplicou tarifaço de 25%; diferença de 10,1% na tungada será aplicada em junho de 2015; tarifaço vai afetar 4,2 milhões de clientes no Paraná.

O governo Beto Richa (PSDB), controlador da Copel, a estatal de energia, aprovou reajuste de 25% no preço da tarifa aos 4,2 milhões de clientes no Paraná.

O “Fato Relevante” foi comunicado ontem à tarde ao mercado e o pedido de aumento será encaminhado à Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) para análise.

O aumento é retroativo a 24 de junho que é sempre a data do reajuste anual da estatal paranaense.

A Aneel havia autorizado alta de 35%, mas governo estadual decidiu aplicar apenas parte do aumento. O órgão federal e a Copel travam uma guerra midiática, onde cada qual conta uma versão sobre o tarifaço em propagandas no rádio, TV e internet. Tudo pago pelos contribuintes.

Na prática, o governo Richa recuou do aumentão de 35% agora diante da repercussão negativa, mas aplicou tarifaço de 25%. A diferença de 10,1% na tungada será aplicada em junho de 2015.

A energia é o principal insumo para a produção industrial e item indispensável de conforto às famílias.

Compartilhe esta informação
  • Print
  • Facebook
  • Twitter
  • Google Bookmarks
  • email
  • Live
  • PDF
  • RSS

Ricardo Mac Donald, em sua coluna desta sexta, lamenta que o Sindicato dos Motoristas e Cobradores (Sindimoc), tenha tentado sabotar o último jogo da Copa decretando greve nos ônibus da capital; segundo o capitão do time do prefeito Gustavo Fruet, como motivo, reivindicações adicionais ao acordo coletivo de trabalho promovido pelo TRT há poucos meses; “O que ocorreu pode ser comparado à situação em que alguém assina um contrato de aluguel anual e dois meses depois exige aumento do valor sob ameaça de despejo”, explica o colunista, que vê ação dos sindicalistas como gangsterismo; dos anos 90 para cá, destaca Mac Donald, houve “confusões, cassações, agressões, atentados, apreensões de vultuosas somas pela Justiça, falsificação de notas fiscais e até assassinatos fizeram parte de um cenário conturbado e de fortes disputas pela receita que o Sindicato gerava”; leia o texto e compartilhe.

Ricardo Mac Donald, em sua coluna desta sexta, lamenta que o Sindicato dos Motoristas e Cobradores (Sindimoc), tenha tentado sabotar o último jogo da Copa decretando greve nos ônibus da capital; segundo o capitão do time do prefeito Gustavo Fruet, como motivo, reivindicações adicionais ao acordo coletivo de trabalho promovido pelo TRT há poucos meses; “O que ocorreu pode ser comparado à situação em que alguém assina um contrato de aluguel anual e dois meses depois exige aumento do valor sob ameaça de despejo”, explica o colunista, que vê ação dos sindicalistas como gangsterismo; dos anos 90 para cá, destaca Mac Donald, houve “confusões, cassações, agressões, atentados, apreensões de vultuosas somas pela Justiça, falsificação de notas fiscais e até assassinatos fizeram parte de um cenário conturbado e de fortes disputas pela receita que o Sindicato gerava”; leia o texto e compartilhe.

Ricardo Mac Donald*

Com a ótima avaliação a respeito da Copa do Mundo, a FIFA deu por cumprida a nossa parte na festa do mundial em Curitiba, que continua viva na Fan Fest da Pedreira.

Para não dizer que tudo deu certo, o único problema foi uma greve mal intencionada movida pelo Sindicato dos Motoristas e Cobradores, que pegou todos os curitibanos de surpresa e causou grandes aborrecimentos.

Aproveitando a última partida da Copa em Curitiba, e sem a mínima preocupação com os prejuízos que causariam, os dirigentes sindicais determinaram a paralização da frota, organizaram piquetes na madrugada e retiraram os cobradores dos ônibus. Apresentavam, como motivo, reivindicações adicionais ao acordo coletivo de trabalho promovido pelo TRT há poucos meses, também no bojo de uma greve desnecessária. Na oportunidade, receberam aumento real nos salários e outros benefícios, como vale-alimentação, por exemplo.

Ora! Os acordos coletivos têm força de sentença e validade de um ano. O que ocorreu pode ser comparado à situação em que alguém assina um contrato de aluguel anual e dois meses depois exige aumento do valor sob ameaça de despejo.

Então, o que justifica essa greve?

Voltemos um pouco no tempo. Há cerca de 30 anos, existia apenas um Sindicato de rodoviários, presidido por verdadeiros líderes sindicais, que tinham os interesses da categoria como único propósito. Como esse Sindicato não se vergava, um barão do transporte, no início dos anos 90, teve a “feliz” ideia de criar o Sindimoc. Para tanto, socorreu-se de um advogado que durante anos recebeu 20% de toda a receita sindical. Posteriormente, esse advogado, que chegou a eleger-se vereador, foi defenestrado por vários problemas judiciais.

Nesse período, confusões, cassações, agressões, atentados, apreensões de vultuosas somas pela Justiça, falsificação de notas fiscais e até assassinatos fizeram parte de um cenário conturbado e de fortes disputas pela receita que o Sindicato gerava. Breve consulta na internet possibilita constatar esses fatos.

O tema promete. Continuaremos na próxima semana.

*Ricardo Mac Donald Ghisi é advogado, secretário Municipal de Governo de Curitiba. Escreve às sextas no Blog do Esmael.

Compartilhe esta informação
  • Print
  • Facebook
  • Twitter
  • Google Bookmarks
  • email
  • Live
  • PDF
  • RSS
Charge de Aroeira - O Dia (RJ).

Charge de Aroeira – O Dia (RJ).

Compartilhe esta informação
  • Print
  • Facebook
  • Twitter
  • Google Bookmarks
  • email
  • Live
  • PDF
  • RSS

capa_folha_delondrinaJornais do Paraná

- Gazeta do Povo: Novo pedido da Copel reajusta a conta de energia em 24,86%

- Bem Paraná: Semifinal à vista???

- Jornal Metro: Contra o chororô, o pé torto, a apatia e má armação

- Jornal de Londrina: Investidores de olho na nova Gleba Palhano

- Folha de Londrina: Copel pede aumento de 24,8% nas tarifas

- O Diário (Maringá): Até que enfim R$ 816 milhões estão na conta

- Diário dos Campos: Valor da produção agropecuária sobra para R$ 6,84 bi na região

- Jornal da Manhã: PG licita construção do Centro de Especialidades

- O Paraná: Obra da segunda ponte corre risco de embargo

- Gazeta do Paraná: Copa do mundo deixa brasileiro de ‘bom humor’ e ‘orgulhoso’

- Jornal Hoje: Estado remaneja médicos para atenenter em Cascavel

- Gazeta do Iguaçu: Advogados presos com pasta-base de cocaína

- Diário do Noroeste: Secretário assina ordem de serviço e liberação de verba para equipamentos

- Tribuna de Cianorte: Para o hexa, faltam 3 dramas

- Umuarama Ilustrado: E tem promoções de carros e tevês

- Tribuna do Norte: Tragédia na PR-444

Jornais de outros estados

- Globo: Viaduto de obra da Copa desaba e mata dois em BH

- Folha: Obra inacabada da Copa desaba e mata 1 em BH

- Estadão: Viaduto planejado para a Copa mata dois

- Correio: Chegou a hora de abater o condor

- Valor: Dilma vai definir política econômica só após eleição

- Estado de Minas: Tragédia em BH

Compartilhe esta informação
  • Print
  • Facebook
  • Twitter
  • Google Bookmarks
  • email
  • Live
  • PDF
  • RSS

Blog do Esmael transmitiu ao vivo encontro estadual do PT, com presenças de Lula e Dilma, que lançou Gleisi Hoffmann ao governo do Paraná.

Blog do Esmael transmitiu ao vivo encontro estadual do PT, com presenças de Lula e Dilma, que lançou Gleisi Hoffmann ao governo do Paraná.


A presidenta Dilma Rousseff e o ex-presidente Lula participam na noite desta quinta (3), em Curitiba, do lançamento da coligação liderada pela senadora Gleisi Hoffmann (PT), ao governo do Paraná, bem como da apresentação do vice da chapa, Haroldo Ferreira (PDT), e do candidato ao Senado, Ricardo Gomyde (PCdoB).

Transmissão ao vivo encerrada às 22h10.

Compartilhe esta informação
  • Print
  • Facebook
  • Twitter
  • Google Bookmarks
  • email
  • Live
  • PDF
  • RSS

O senador Roberto Requião (PMDB), pelo Twitter, nesta quinta (3) deu cutucadas no “aliado” PT e no ex-presidente Lula. Sobrou também para a chapa liderada pela colega de parlamento Gleisi Hoffmann (PT), que será lançada hoje à noite ao Palácio Iguaçu pela quinta vez:

Compartilhe esta informação
  • Print
  • Facebook
  • Twitter
  • Google Bookmarks
  • email
  • Live
  • PDF
  • RSS

Palácio Iguaçu dá um drible fantástico e coloca o empresário Edson Casagrande para escanteio nas eleições deste ano; ex-secretário Assuntos Estratégicos do Governo do Paraná, que deixou o cargo em abril para candidatar-se, foi preterido da primeira suplência do senador Álvaro Dias; como prêmio de consolação, patobranquense vai coordenar a campanha de Eduardo Campos no Paraná – terceiro lugar no Datafolha.

Palácio Iguaçu dá um drible fantástico e coloca o empresário Edson Casagrande para escanteio nas eleições deste ano; ex-secretário Assuntos Estratégicos do Governo do Paraná, que deixou o cargo em abril para candidatar-se, foi preterido da primeira suplência do senador Álvaro Dias; como prêmio de consolação, patobranquense vai coordenar a campanha de Eduardo Campos no Paraná – terceiro lugar no Datafolha.

O empresário e ex-secretário estadual para Assuntos Estratégicos do Governo do Paraná, Edson Casagrande (PSB), defenestrado pelos tucanos da primeira suplência do senador Álvaro Dias, como prêmio de consolação, vai ser o coordenadora da campanha do presidenciável Eduardo Campos (PSB) no Paraná.

De acordo com pesquisa Datafolha, divulgada ontem (2), Campos patina na terceira posição com 9% das intenções de voto. Aécio Neves (PSDB) tem 20% e Dilma Rousseff (PT) possui 38%.

O patobranquense Casagrande, inicialmente, colocava-se como pré-candidato a deputado federal. Depois foi convencido a passar as bases para o tucano Valdir Rossoni, em troca ficaria com a primeira suplência de Álvaro. Entretanto, o senador do PSDB escolheu o empresário Joel Malucelli (PSD) para sua companhia na chapa.

Resumo da ópera: o empresário Edson Casagrande foi enrolado pelo Palácio Iguaçu. Acabou ficando sem a Secretaria, a Câmara e a suplência do Senado. A coordenação de Campos é apenas um prêmio de consolação por “bom comportamento” no processo.

Compartilhe esta informação
  • Print
  • Facebook
  • Twitter
  • Google Bookmarks
  • email
  • Live
  • PDF
  • RSS

Estão inscritos para a disputa pelo governo do Paraná: Beto Richa (PSDB), Gleisi Hoffmann (PT), Roberto Requião (PMDB), Bernardo Pilotto (PSol), Tulio Bandeira (PTC), Ogier Buchi (PRP), Rodrigo Tomazini, Geonísio Marinho (PRTB) e Silvana Souza (PCB).

Estão inscritos para a disputa pelo governo do Paraná: Beto Richa (PSDB), Gleisi Hoffmann (PT), Roberto Requião (PMDB), Bernardo Pilotto (PSol), Tulio Bandeira (PTC), Ogier Buchi (PRP), Rodrigo Tomazini, Geonísio Marinho (PRTB) e Silvana Souza (PCB).

Nove partidos lideram coligações, ou de forma isolada, disputarão o Palácio Iguaçu nestas eleições de 2014, segundo o Tribunal Regional Eleitoral (TRE).

Estão inscritos para a peleja: Beto Richa (PSDB), Gleisi Hoffmann (PT), Roberto Requião (PMDB), Bernardo Pilotto (PSol), Tulio Bandeira (PTC), Ogier Buchi (PRP), Rodrigo Tomazini, Geonísio Marinho (PRTB) e Silvana Souza (PCB).

No próximo dia 14 de agosto, na TV Bandeirantes, ocorrerá o primeiro debate entre os postulantes ao governo do Paraná. Só participarão do confronto as agremiações com representação no Congresso Nacional.

A propaganda eleitoral gratuita no rádio e na televisão começará no dia 19 de agosto.

Compartilhe esta informação
  • Print
  • Facebook
  • Twitter
  • Google Bookmarks
  • email
  • Live
  • PDF
  • RSS

"Resta à oposição a Dilma torcer pela eliminação do Brasil na Copa, a favor da Colômbia nas quartas de final", observa Murilo Hidalgo, diretor da Paraná Pesquisas, ao comentar os números divulgados ontem pelo Datafolha, sobre a corrida presidencial; em um mês, presidenta subiu de 34% para 38%; Aécio Neves oscilou de 19% para 20%; candidato do PSB, Eduardo Campos variou de 7% para 9%; segundo o especialista, o caos que se projetava durante a Copa do Mundo não se concretizou e o clima de festa no país tende a refletir nos levantamentos de agora em diante.

“Resta à oposição a Dilma torcer pela eliminação do Brasil na Copa, a favor da Colômbia nas quartas de final”, observa Murilo Hidalgo, diretor da Paraná Pesquisas, ao comentar os números divulgados ontem pelo Datafolha, sobre a corrida presidencial; em um mês, presidenta subiu de 34% para 38%; Aécio Neves oscilou de 19% para 20%; candidato do PSB, Eduardo Campos variou de 7% para 9%; segundo o especialista, o caos que se projetava durante a Copa do Mundo não se concretizou e o clima de festa no país tende a refletir nos levantamentos de agora em diante.

Murilo Hidalgo, diretor-presidente da Paraná Pesquisas, nestas eleições, converteu-se em um dos principais consultores de presidenciáveis. Coube a ele, por exemplo, nas sondagens que fez, diagnosticar primeiro a queda e agora a recuperação da presidenta Dilma Rousseff nas pesquisas de opinião.

“Resta à oposição a Dilma torcer pela eliminação do Brasil na Copa, a favor da Colômbia nas quartas de final”, observa Hidalgo, ao comentar os números divulgados ontem pelo Datafolha.

Segundo o instituto, subiu de 51% para 63% a proporção de eleitores favoráveis à realização da Copa no Brasil. O orgulho com a realização do Mundial da Fifa saltou de 45% para 60%.

Murilo Hidalgo, especial para o Blog do Esmael, adiantou ontem (2) que Dilma está em viés de crescimento. De acordo com o especialista, o caos que se projetava durante a Copa do Mundo não se concretizou e o clima de festa no país tende a refletir nos levantamentos de agora em diante.

Compartilhe esta informação
  • Print
  • Facebook
  • Twitter
  • Google Bookmarks
  • email
  • Live
  • PDF
  • RSS

Plenária do PT, nesta quinta (3), às 19 horas, vai lançar oficialmente coligação liderada pela senadora Gleisi Hoffmann, ao Palácio Iguaçu, e apresentar o vice da chapa, Haroldo Ferreira, e o candidato ao Senado, Ricardo Gomyde; Blog do Esmael vai transmitir ao vivo o encontro petista, direto do Teatro Positivo, em Curitiba, e será “cabeça de rede” disponibilizando o código para incorporação do vídeo nos demais blogs, sites e portais de todo o país; copie e cole o script em sua página.

Plenária do PT, nesta quinta (3), às 19 horas, vai lançar oficialmente coligação liderada pela senadora Gleisi Hoffmann, ao Palácio Iguaçu, e apresentar o vice da chapa, Haroldo Ferreira, e o candidato ao Senado, Ricardo Gomyde; Blog do Esmael vai transmitir ao vivo o encontro petista, direto do Teatro Positivo, em Curitiba, e será “cabeça de rede” disponibilizando o código para incorporação do vídeo nos demais blogs, sites e portais de todo o país; copie e cole o script em sua página.

O Blog do Esmael transmite hoje ao vivo o encontro do PT, a partir das 19 horas, direto do Teatro Positivo, em Curitiba, e será “cabeça de rede” disponibilizando o código para incorporação do vídeo nos demais blogs, sites e portais de todo o país.

A presidenta Dilma Rousseff e o ex-presidente Lula participam na capital paranaense do lançamento da coligação liderada pela senadora Gleisi Hoffmann (PT), ao governo do Paraná, bem como da apresentação do vice da chapa, Haroldo Ferreira (PDT), e do candidato ao Senado, Ricardo Gomyde (PCdoB).

Abaixo, copie e cole o código em seu site (ajuste o tamanho do player): (mais…)

Compartilhe esta informação
  • Print
  • Facebook
  • Twitter
  • Google Bookmarks
  • email
  • Live
  • PDF
  • RSS

A bela Maria Victória, filha da deputada Cida Borghetti, vice de Richa, mostrou ontem que não joga na defensiva; a musa das eleições de 2014 pediu o meu voto, coisa que nem marmanjos experimentados fazem com o eleitorado em geral por causa da crescente criminalização da atividade política; despolitização do processo eleitoral, imbecilização dos eleitores e ojeriza da população às discussões maiores, do estado e do país, só interessam aos barões da mídia que querem continuar decidindo pela desavisada massa.

A bela Maria Victória, filha da deputada Cida Borghetti, vice de Richa, mostrou ontem que não joga na defensiva; a musa das eleições de 2014 pediu o meu voto, coisa que nem marmanjos experimentados fazem com o eleitorado em geral por causa da crescente criminalização da atividade política; despolitização do processo eleitoral, imbecilização dos eleitores e ojeriza da população às discussões maiores, do estado e do país, só interessam aos barões da mídia que querem continuar decidindo pela desavisada massa.

No meio de brucutus se destaca a delicadeza da maringaense Maria Victória Borghetti Barros, candidata a deputada estadual pelo PP. Ela é filha de Cida Borghetti (Pros), a candidata à vice de Beto Richa (PSDB), e do ex-secretário Ricardo Barros (PP), que vai a federal.

Conheci ontem Maria Victória em um restaurante de Curitiba. A musa das eleições de 2014 não titubeou ao pedir o meu voto, coisa rara nos candidatos que temem cada vez mais os eleitores. Culpa da velha mídia que criminaliza a atividade política com seu denuncismo imbecil.

A despolitização do processo eleitoral, a imbecilização dos eleitores, a ojeriza da população às discussões maiores do estado e do país só interessam aos barões da mídia que querem continuar decidindo pela desavisada massa.

Por isso, está de parabéns Maria Victória por pedir votos sem medo de ser feliz. Quem não pede não ganha. Sucesso à musa em sua empreitada.

Compartilhe esta informação
  • Print
  • Facebook
  • Twitter
  • Google Bookmarks
  • email
  • Live
  • PDF
  • RSS
Copyright © 2009 Blog do Esmael. Todos os direitos reservados.