Após confisco do fundo de aposentadoria, Beto Richa quer privatizar a previdência dos servidores

| 12 Comentários

previ

O estoque de maldades do governo Beto Richa (PSDB) contra os paranaenses, em especial os servidores do estado, parece longe de chegar ao fim. Hoje (11) pela manhã, o Blog do Esmael já noticiou o “Pacote de Maldades 4” que pretende fatiar e vender as principais empresas pública do Paraná, dentre as quais a Copel e a Sanepar.

A este funesto pacote, some-se agora a proposta do governo de privatizar de vez a previdência dos servidores públicos estaduais. Isso mesmo, após confiscar mais de R$ 8 bi da poupança dos servidores, Richa quer passar o filé mignon da previdência para a iniciativa privada.

E não se trata de nenhuma especulação ou boato de corredor. É o próprio secretário da Fazenda, o interventor nacional do PSDB nas finanças paranaenses, Mauro Ricardo da Costa, que vem anunciando aos quatro ventos o projeto que institui uma previdência privada para os servidores estaduais. O projeto de lei será ser enviado à Assembleia Legislativa nos próximos dias.

Segundo o secretário, o estado arcaria com as aposentadorias até um teto similar ao do INSS que hoje está em pouco mais de R$ 5 mil. Quem quiser receber mais que esse valor deverá aderir ao plano de previdência privada.

Mesmo atingindo somente os futuros servidores, o processo de privatização da previdência gera insegurança, inclusive para os servidores que já estão aposentado ou na ativa, pois o sistema se enfraquece com a desobrigação do estado em bancar sua parte.

E no fundo privatizado, a segurança é menor ainda pois os valores arrecadados servirão para investimentos privados e especulação financeira, que são aplicações de risco. Como ficam os servidores caso haja perdas ou prejuízos?

As reformas nas previdências públicas, tanto federal como estadual, partem sempre do discurso de que esses sistemas não são sustentáveis. A grande imprensa não se cansa de falar em “rombo da previdência”. Mas há estudos consistentes que desmentem essa falácia, provando na ponta do lápis que a previdência pública brasileira não é deficitária.

O Portal Carta Maior publicou no último dia 5 uma entrevista com Professora do Instituto de Economia da UFRJ e pesquisadora do campo da previdência social, Denise Gentil, em que ela mostra com dados oficiais que o sistema de seguridade social brasileiro é superavitário e cumpre bem seu papel social de distribuir renda.

Segundo ela, dados preliminares apontam que em 2015, um ano de forte recessão e alta nas taxas de desemprego, a previdência obteve uma receita bruta de R$ 675,1 bilhões, e gastou R$ 658,9 bilhões. Isso em se tratando do sistema nacional, que cumpre o papel de distribuidor de renda. Imagine a previdência estadual que tem garantida a entrada dos recursos do funcionalismo.

Quem esperava que 2016 fosse um ano mais tranquilo, sem greves e sem grandes embates estaduais, pode tirar o cavalo da chuva. Os servidores já estão se mobilizando e já há paralisações previstas dos professores e educadores estaduais.

Quem não engoliu o confisco do fundo da ParanáPrevidência e está com o massacre de 29 de abril atravessado na garganta, com certeza não vai baixar a cabeça para mais esse golpe.

Com informações da Gazeta do Povo, Adunicentro e Carta Maior

Posts relacionados

12 Comentários

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. O PESADELO E O TERROR É MAIS PARA UM FUTURO PRÓXIMO!
    NO FUTURO “A BOLHA DA DESCAPITALIZAÇÃO DO FUNDO DE PREVIDÊNCIA DO ESTADO DO PARANÁ VAI ESTOURAR” E MUITOS SERVIDORES PÚBLICOS INATIVOS VÃO FICAR SEM APOSENTADORIA OU O PAGAMENTO DA MESMA VAI ATRASAR!

    O negócio é pagar um plano de previdência privado? Ou seja, o governo de direita de Beto Richa (PSDB) encaminhará novamente o “pacote de maldades ou pacote de austeridade” que agora tem e terá um nome menos agressivo: “Ajuste Fiscal”. Seja qual for a denominação, o objetivo (maldoso) é o mesmo: retirar direitos dos Servidores Públicos do Paraná para resolver as dificuldades de caixa do governo, devida a má gestão, incompetência e corrupção usando a poupança previdenciária dos Professores, Policiais e demais Servidores Públicos. Em entrevista ao jornal Gazeta do Povo, o Secretário de Estado da Fazenda, Mauro Ricardo Costa, afirma que o “Ajuste Fiscal” promovido pelo governo de Beto Richa (PSDB) ainda não acabou. Mas, aparentemente, o que ficou para esse ano será “menos traumático, (nas entrelinhas, sutilmente mais destrutivo). O ponto principal a ser encaminhado para a Assembleia, e que ainda pode gerar novo confronto com a Polícia Militar (que também depende de aposentadorias) com os outros Servidores Públicos. Ou seja, é a Previdência Privada para os Servidores Públicos que entrarem a partir de agora. Para os atuais Servidores Públicos ativos e aposentados, a experiência de outros fundos mostra que pode haver pressão para que façam a adesão, já que o novo fundo se inicia descapitalizado.
    A PREVCOM do PSDB e de Beto Richa leva ao processo a lógica de desconstrução e de destruição da previdência dos Servidores Públicos paranaenses. Ela aplica o modelo financista neoliberal ao fazer do dinheiro da previdência, economizado pelos Servidores Públicos de várias épocas, moeda de especulação financeira, de salvação dos mercados de capitais, para encobrir buracos de má gestões e corrupções na administração do estado.

  2. Meu caro Esmael, vc tem razão, o governo do estado deve fazer como a Dilma já fez para os servidores federais. Se até o PT já criou esse monstro, em obediência à constituição Federal, aki também deve ocorrer. Veja a lei federal abaixo.

    http://legislacao.planalto.gov.br/legisla/legislacao.nsf/Viw_Identificacao/lei%2012.618-2012?OpenDocument

  3. ate que a em qualquer lugar neste estado este governo PICARETA,ira tentar e tirar bom fim de tudo o que e posivel quando se trata de DINHEIRO isso e a cara do beto LIXO governador do PARANA.uma vergonha???.

  4. Não está bom, então pague o INSS facultativo.

    • Vá estudar para passar em concurso público… se passar você verá que o desconto do salário do servidor é feito religiosamente a cada mês; o que está acontecendo é que o desgoverno do Paraná desde o tempo do requeijão não está cumprindo a contrapartida e agora está metendo a mão no nosso dinheiro. Abaixo essa besta beto hitler

  5. RESPOSTA da nossa JUSTIÇA,???.propina venha,mais uma tentativa deste desgoverno do P S D B Picareta.beto lixo menino FIXA limpa,justiça onde tu esta.

  6. Vai ser outro pé de guerra

  7. Isso não precisa de mais nenhum comentário… Precisa de atitude e de ação contra essa corja que se intitula governo!

  8. sera que um boletim de ocorrência,B O tem valor contra beto lixo,sera que a justiça aceita um b o como mal intencionado desgoverno picareta.

  9. Esse vagabundo do richa tem que ser preso, junto com o sec da fazenda, ja nos roubaram quase dois bilhoões dos oito que temo9s de mais de trinta anos mde contribuição ; fora canalhada volta logo Requião !

  10. Há sim, já pagamos a previdência!!! por que pagar por outra paralela? nem temos FGTS, nem nada a mais.

    Querem ir pela maneira mais fácil.

    O trabalhador só trabalha para pagar os impostos nesse país, é o maior pagador de TODOS!

    Por que esse governo não faz uma boa investigação nos salários dos servidores o que é legal e não? Das irregularidades, dos que não cumprem horários, dos que se aproveitam e usam o publico em benefício pro´rio?

    Por que não fiscaliza, e não corta toda corrupção? Iria tem $ suficiente!

    Os servidores honesto, tem que pagar por todos os erros e falhas administrativas? Tem tanta coisa absurda que daria muita economia.

  11. I simply want to mention I am just all new to blogging and honestly loved your website. More than likely I’m planning to bookmark your website . You actually have awesome well written articles. Thanks a bunch for sharing with us your web page.

Deixe uma resposta

Preenchimento obrigatório *.