Universidades ameaçam fechar as portas por causa de cortes de 40% promovidos pelo governo Richa

da Rede Sul Notícias

O reitor da Universidade Estadual do Centro Oeste, Aldo Bona, nesta segunda (24), afirmou que as instituições de ensino superior vão fechar as portas se o governo Beto Richa não cancelar cortes de 40%.

O reitor da Universidade Estadual do Centro Oeste, Aldo Bona, nesta segunda (24), afirmou que as instituições de ensino superior vão fechar as portas se o governo Beto Richa não cancelar cortes de 40%.

Os cortes de 40% no orçamento de custeio das universidades estaduais paranaenses pauta encontro entre o reitor da Unicentro (Universidade Estadual do Centro Oeste), Aldo Bona e outros reitores na Secretaria de Estado da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (Seti). A reunião começou à s 14 horas desta segunda feira (24), em Curitiba.

Vamos pedir que esse corte seja revertido porque inviabiliza o funcionamento das universidades. Se a situação não for revertida vamos fechar as portas!, disse o reitor à  Rede Sul de Notícias.

O corte representa para a Unicentro o valor de R$ 4,2 milhões a menos no orçamento de R$ 10,59 milhões, restando, portanto, R$ 6,3 milhões para as despesas que incluem o pagamento de estagiários e terceirizados, bolsa auxílio a estudantes, água, luz, telefone, internet, materiais de consumo e de expediente, entre outras despesas.

Se dessa reunião com o secretário João Carlos Gomes [Seti] não sair uma posição, vamos pedir audiência com a Secretaria da Fazenda e em seguida com o governador Beto Richa, e vamos dizer que, se não houver a reversão desses cortes as universidades não têm condições de continuar com as portas abertas. Não há outra alternativa!.

MEDICINA

Essa situação, porém, não afeta a implantação do curso de medicina anunciada pela Seti nesse domingo (23). “Sabemos que essa é uma situação transitória e que o governo vai reverter a situação com a própria arrecadação do Estado, com os financiamenos contraídos e com a retomada dos investimentos”, disse o reitor da Unicentro, Aldo Bona.

Segundo ele, o projeto para o curso está em fase de aprovação pelo Conselho Universitário, o que deverá acontecer até abril deste ano. “Em seguida haverá o encaminhamento para a Seti e demais órgãos de governo para autorização. Depois haverá o trâmite junto ao Conselho Nacional de Saúde”. Uma vez autorizado, basta a implantação.

  • Eduardo

    Que vão à falência de uma vez, quem disse que o ensino é gratuito? É o povo que paga essas faculdades e os alunos que estudam na faixa ainda querem ônibus de graça, refeição subsidiada. Bando de folgados que não dão valor as instituições, porque não vi até hoje alguém ficar rico e doar algo de valor à essas universidades, como acontece muito nos EUA.

  • Enquanto isso a ALEP aprova aumento de gastos do judiciário, permitindo que seja pago auxílio-moradia aos magistrados…

  • É isso que dá votar em neoliberal.

  • Perdeu Playboy! Perdeu! Ei! Psiu! Você que acreditou no “Xoke de Jestaum” Tucano saiba, agora, que você foi enganado!

  • paraná estado decadente

  • Meu Deus…a educação neste País tem que ser prioridade…poxa não é possível que o Beto Richa não vê desta forma….é a terceira vez neste governo que vejo este tipo de matéria …tenho uma filha fazendo Direito em uma das faculdades públicas deste Estado..os professores e alunos estão preocupados com estas ameaças constantes……

    • Aprenda a votar… Volta Requião…

  • Meu Deus…a educação neste País tem que ser prioridade…poxa não é possível que o Beto Richa não vê desta forma….é a terceira vez neste governo que vejo este tipo de matéria …tenho uma filha fazendo Direito em da faculdades estadual…os professores e alunos estão preocupados com estas ameaças constantes……

  • Richa quebra o Estado do Paraná, mas os Comissionados e o Traiano ainda acham que está bom.
    Quero saber da opinião dos Comissionados Fala Sério, Parreira Rodrigues, Carla, Guri, Roberto, Professor e outros rola-bostas.

  • Tem um trecho do refrão de uma música que diz assim:
    Bem feito que mandou votar no homem… em apenas 4 anos afundou o Estado do Paraná em dívidas e mais dívidas… entre outras,tem aquela história dos apadrinhados no Porto de Paranaguá que moram em Curitiba e tem dedo de silicone…

  • depois que cortou a comida dos cachorros da PM não se duvida mais de nada…