Trabalhadores do Porto declaram guerra contra governo Beto Richa

* Sindicalistas dizem que já sentem “saudades” de Requião

Airton Maron.

Os três principais sindicatos de trabalhadores no Porto de Paranaguá (estivadores, arrumadores e consertadores) emitiram nesta terça-feira (26) uma nota de repúdio contra o superintendente da APPA (Administração dos Portos de Paranaguá e Antonina), Airton Maron, que, segundo eles, estaria tentando interferir na convenção coletiva acordada entre patrões e empregados.

Os dirigentes sindicais argumentam que a intervenção da APPA nas negociações entre as partes coloca em risco conquistas arduamente obtidas pelos trabalhadores nas mesas de negociações durante este mês de julho.

As três entidades que assinam o documento comparam a intromissão da APPA aos regimes ditatoriais. … mesmo em períodos turbulentos e de regime de exceção, quando os trabalhadores sequer podiam se manifestar, [a APPA] nunca interferiu na relação de Capital e Trabalho no Porto de Paranaguá”, diz um trecho.

Os trabalhadores ainda revelam que já sentem saudades Roberto Requião (PMDB) ao lembrar que o ex-governador nunca se intrometeu nas negociações e decisões tomadas nas assembleias que homologaram, de forma democrática, as convenções firmadas entre operários e operadores portuários.

Totalmente decepcionados, os sindicatos laborais lamentaram que o governo de Beto Richa (PSDB) esteja prejudicando os trabalhadores através da ingerência da APPA.

Clique aqui para ler a íntegra do documento oficial de repúdio à  APPA:

5 Comentários

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. Ué??!! Falavam tão mal dos superitendentes do Requiao (o Eduardo e o Daniel), e teve muito pelêgo apoiando o Beto na eleição, agora bem feito!

    O que vocês querem de um superintendente cujo padrinho político é o primo advogado com muitas ações trabalhi$$$ta$$ contra o Porto.

    E o próprio superintendente tem DUAS AÇÕES trabalhistas contra a autarquia que ele dirige, pode isso?

    O governo neoliberal no porto de paranaguá não faria outra coisa senão dar PAU nos estivadores, consertadores, arrumadores e outros trabalhadores.

  2. papo do beto richa com trabalhador ,é o mesmo do alvaro dias.

  3. Bem feito! bem que o paulo rossi da UGT falava que os trabalhadores iriam ter uma grande decepção com o governo neoliberal dos tucanos.

  4. Ué, não votaram no Beto Richa? Agora não reclamem pois, não foi por falta de aviso. Na próxima eleição votem novamente pois assim ele acaba mesmo com vocês, cambada de burros.

    • mal espero 2014 chegar pra Gleisi esmagar o Beto. conheço um monte de gente que votou nele e já se arrependeu.