Blog do Esmael Greve: Trabalhadores da URBS prometem "parar o trânsito" de Curitiba na terça | Blog do Esmael Greve: Trabalhadores da URBS prometem "parar o trânsito" de Curitiba na terça | Blog do Esmael

Greve: Trabalhadores da URBS prometem “parar o trânsito” de Curitiba na terça

Os trabalhadores da URBS (Urbanização de Curitiba) definiram em Assembleia Geral Extraordinária realizada ontem que estarão em greve a partir zero hora do dia 12 de julho, terça-feira.

Esta decisão dos funcionários da empresa, que é responsável pelo gerenciamento do trânsito e transporte na capital paranaense, é consequência da URBS não ter atendido à s reivindicações do Acordo Coletivo de Trabalho 2011/2012.

Os trabalhadores denunciam as condições de trabalho, que, segundo eles, são precárias e exigem a valorização através do aumento real dos salários e de benefícios.

Impacto da greve na capital

Caso a empresa não sinalize a aceitação dos termos do Acordo Coletivo e os trabalhadores entrem em greve, serviços essenciais para o funcionamento do trânsito e do transporte na cidade serão comprometidos.

Os trabalhadores da URBS são a linha de frente da prefeitura municipal de Curitiba. Eles sofrem diretamente com a falta de investimentos da administração municipal nas áreas de trânsito e transporte, que se encontra mais precário a cada dia. Um dos maiores problemas é o transporte coletivo, que já foi considerado um modelo mundial e hoje está em decadência, apesar da propaganda oficial afirmar o contrário.

A URBS emprega cerca de 1700 funcionários, responsáveis pela gestão e fiscalização do trânsito e do transporte da capital, além da higienização de espaços públicos como o complexo rodoferroviário, o Terminal Guadalupe e as Ruas da Cidadania.

A Rua da Cidadania da Matriz, na praça Rui Barbosa, é um local onde se concentra serviços públicos como banheiro público, estacionamento, passe escolar, e o cartão transporte, que atendem diariamente centenas de usuários.

Além disso, os trabalhadores da URBS são responsáveis pela manutenção de equipamentos como estações tubos, sinalização das vias, fiscalização e venda do EstaR (Estacionamento Regulamentado).

Além disso, os pouquíssimos banheiros públicos da capital ecológica! também estão sob a responsabilidade dos agentes de apoio da URBS.

1 Comentário

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. Vamos todos dar um enorme parabéns aos dirigentes públicos pela grande merda que estão fazendo de curitiba